Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Delegacia procura envolvidos em duplo homicídio ocorrido na zona norte de Manaus

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) pede ajuda da popualção para localizar Alexsandro Pereira dos Santos, 21, conhecido como “Preguiça”; e Leonardo Castro de Barros, 24, envolvidos no duplo homicídio de Ruth da Silva Ozorio, que tinha 42 anos, e sua filha, Letícia Bruna da Silva Ozorio, 15, ocorrido na última quinta-feira (27/05), por volta das 20h, na Comunidade Alfredo Nascimento, bairro Cidade de Deus, zona norte de Manaus.

Conforme o delegado Charles Araújo, titular da Especializada, na ocasião do crime, Ruth vendia comida, em frente à sua casa, quando os dois homens chegaram ao local a pé e efetuaram disparos de arma de fogo contra ela. Os autores também entraram na casa e alvejaram suas duas filhas.

Ruth e Letícia não resistiram aos ferimentos e foram a óbito no local. A terceira vítima, que estava grávida, foi socorrida e levada ao Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Doutor Aristóteles Platão Bezerra Araújo, localizado na zona leste da cidade, onde recebeu atendimento médico e está hospitalizada.

“No mesmo dia do crime, tivemos conhecimento e iniciamos as diligências. Durante as investigações chegamos às identidades de Alexsandro e Leonardo. Realizamos diversas buscas, mas eles já haviam fugido e, desde então, estão em local incerto”, explicou Araújo.

Ainda de acordo com a autoridade policial, as investigações apontam duas possibilidades em relação a motivação do crime, sendo a primeira uma discussão entre uma das vítimas e a esposa de um dos suspeitos, e a segunda, uma dívida de tráfico de drogas de uma pessoa próxima às vítimas. Os dois infratores já têm passagens pela polícia, Alexsandro por homicídio, e Leonardo por tráfico de drogas.

“Com base nas informações, representei à Justiça pelo mandado de prisão preventiva em nome dos indivíduos, e a ordem judicial foi decretada na última sexta-feira (28/05), pela juíza Margareth Rose Cruz Hoage, do Plantão Criminal. Estamos trabalhando para localizá-los, a fim de elucidar esse delito, para isso contamos com a colaboração da população para divulgar as imagens deles”, relatou o titular da DEHS.

Disque-denúncia – Quem tiver informações acerca da localização dos indivíduos, devem entrar em contato pelo número (92) 98421-5336, o disque-denúncia da DEHS, ou pelo 181, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM). “Asseguramos o sigilo da identidade dos informantes”, garantiu o delegado.

FOTO: Mayara Viana/PC-AM

-publicidade-