Um inquérito para apurar a implantação de um estacionamento do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) em uma possível área de preservação permanente do Igarapé do Mindu, na Zona Centro-Sul de Manaus, foi aberto pelo Ministério Público Federal (MPF-AM).

Segundo o MPF, a possível implantação do estacionamento improvisado pode retirar a vegetação do local ou impedir que ela se regenere.

O Detran deve enviar, em um prazo de 15 dias, uma cópia do contrato de aluguel do prédio onde atualmente funciona a sede do órgão, além do procedimento administrativo que justificou tal medida de implantação do estacionamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here