Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Educadores da área rural iniciam atividades de 2017 com Jornada Pedagógica

Mais de 100 professores de 29 escolas municipais da zona Rural, localizadas no Rio Negro se reuniram, nesta segunda-feira, 2 de janeiro, na Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), para a Jornada Pedagógica.

O evento, coordenado pela Divisão Distrital Zonal (DDZ) Rural, tem o intuito de repassar informações metodológicas e pedagógicas para o bom andamento do ano letivo, que vai ter a abertura realizada sexta-feira, dia 6, na Escola Municipal José Sobreira, na Comunidade Nossa Senhora de Fátima.

As aulas da zona Rural têm início na próxima segunda, dia 9, para mais de 3 mil alunos. As unidades de ensino possuem um calendário escolar especial por conta das questões climáticas que afetam o acesso dos estudantes às escolas no período da vazante dos rios no segundo semestre.

Segundo a Chefe da DDZ Rural, Edilene Pinheiro, as aulas iniciam em janeiro e terminam em outubro. Para ela, é importante começar o ano já alinhando as ações da Divisão, uma vez que a expectativa é que os estudantes estejam preparados para a Prova Brasil, que vai ser realizada em 2017. A avaliação compõe a nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). “É um ano de prova Brasil e estamos focados em dar o melhor para os nossos alunos e uma melhor condição de trabalho para os nossos professores”,

Na visão da Diretora do Departamento de Gestão Educacional (DEGE), Marcionília Bessa, a Jornada Pedagógica auxilia na organização da atividade letiva, o que culmina com uma melhor ação do professor em sala de aula. “É importante que os professores estejam reunidos para que reflitam sobre suas práticas e replanejem suas metodologias”

Na avaliação da diretora da Escola Municipal Santo André, no Tarumã, Christinne Marcos, as orientações são de extrema importância. Ela assumiu a gestão da unidade de ensino há menos de um mês e vai ter a missão de conduzir 110 alunos de educação infantil e ensino fundamental. “A gente reflete sobre o ano que está iniciando e estipulamos metas a serem alcançadas”

A jornada pedagógica vai ser realizada em três dias. Nesta segunda-feira, dia 2, os docentes receberam orientações pedagógicas estabelecidas pela Secretaria Municipal de Educação (Semed). Na ocasião, foram abordados temas como diário de classe, planejamento de aula e livro didático.

Na terça-feira, dia 3, haverá uma formação em polo somente para os professores, ministrada por profissionais DDPM. Nesta atividade, vão ser debatidos temas relacionados à prática do profissional do magistério em sala de aula.

Para finalizar, no dia 4 de janeiro, vão ser repassadas as orientações das diretrizes da educação do campo, embasadas em um documento confeccionado pelo comitê de educação do campo da Semed.

-publicidade-