As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

EJA do SESI Online está com matrículas abertas

Ensino fundamental e médio gratuitos para trabalhadores da indústria, construção civil e comunidade de baixa renda

O Serviço Social da Indústria (SESI Amazonas) está com matrículas abertas para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) Online para o Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano. “A melhoria salarial e uma promoção na empresa são alguns dos motivos que levam as pessoas a retomarem seus estudos”, destaca a gerente da Educação de Jovens e Adultos (EJA) do Serviço Social da Indústria (SESI Amazonas), Patrícia Bezerra, ao analisar a crescente busca pela volta aos estudos.

As vagas são gratuitas para o trabalhador da indústria, seus dependentes e público em geral de baixa renda. Sobre as aulas online, os trabalhadores, dependentes e público em geral, de baixa renda, podem se informar pelo Whatsapp (92) 98404-3683. E as empresas interessadas em contratar os serviços do SESI devem entrar em contato por meios dos números de Whatsapp (92) 98432-3860, 98432-4104 e 98432-5184.

De acordo com a gestora da EJA, muitas vezes o profissional já desenvolve uma atividade de líder de produção, chefia de setor, mas não consegue ter o salário compatível com a função por não ter a escolaridade exigida, além precisar concluir o ensino básico para iniciar uma faculdade e, assim, alcançar a pretendida promoção no trabalho.

Marivaldo progride nos estudos e na profissão

Voltar a estudar era o que faltava ao técnico de panificação júnior Marivaldo Pereira de Souza, de 39 anos, para enfrentar com sucesso novos desafios no setor onde atua. “Eu já tinha 17 anos de experiência em panificação, mas não tinha estudo para chegar onde estou hoje”, disse o técnico.

Após 23 anos sem estudar, o funcionário da Ocrim Filial Manaus, há três anos decidiu cursar a EJA do SESI, no ensino fundamental do 6º ao 9º ano, incentivado pelo coordenador técnico e seu atual chefe na empresa, Jerry Matos.

“Comecei na empresa como auxiliar de produção, fui promovido para operador de produção e quando passei do fundamental para o ensino médio fui promovido para técnico de panificação júnior. E agora com certificação do ensino médio vou me preparar para ser técnico pleno”, anuncia Souza.

De acordo com o atual egresso, graças ao SESI teve a oportunidade de crescer profissionalmente. “Um lugar com professores e pedagogas maravilhosas, que amam o que fazem. De um a 10, a minha nota é 1000”, relatou o ex-aluno.

Natural do município de Tapauá, localizado a 565 quilômetros de distância da cidade de Manaus. Marivaldo Souza veio para Manaus em busca de uma vida melhor, mas para isso precisou optar, pois não dava para estudar e trabalhar. “Comecei a trabalhar em padaria no ano 2000, não tinha como fazer as duas coisas, porque saía de casa às 4h da manhã e só chegava às 8h da noite”, disse ele.

Souza pretende continuar os estudos e cursar faculdade de Gastronomia e se aprofundar na área de controle de qualidade, área em que atua na empresa.

Supletivo – De acordo com a gerente Patrícia Bezerra, os interessados que não se encaixarem na EJA Online, para o Ensino Fundamental do 6º ao 9 º ano, podem se matricular com mensalidade acessível no Supletivo. O Supletivo é pago por disciplina, com o recebimento de apostilas digitais e aulas online. O aluno pode marcar aulas presenciais com os professores para esclarecimentos de dúvidas e realização de provas.

EJA do SESI e SENAI Online – Ensino médio profissionalizante – Em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI Amazonas), o SESI Amazonas vai abrir em agosto turmas Online de Ensino Médio Profissionalizante, com os cursos de padeiro, eletricidade residencial, hidráulico residencial, almoxarifado e inspetor da qualidade.

De acordo com a gestora, as aulas do Ensino Médio Profissionalizante serão 80% online e 20% presenciais, sendo as aulas do SENAI realizadas nas sedes em que os cursos são oferecidos. Os cursos do SENAI têm em média 160h de duração e o Ensino Médio 1.200.

O aluno que optar pelo Ensino Médio Profissionalizante com certificação dupla, ensino médio e ensino profissionalizante, deverá concluir todas as aulas do SENAI. Caso faça apenas as aulas do SESI, o aluno não receberá a certificação de ensino médio.

Foto: Divulgação