As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

‘Ela debochou da minha mãe e eu reagi’, diz suspeita de matar amante do padrasto

Durante coletiva de imprensa, na manhã desta quarta-feira (14), Milane Moraes dos Santos, de 20 anos, contou que não tinha intenção de matar Francisca Amorim Queiroz, que tinha 19 anos. A jovem foi morta durante uma briga no dia do aniversário, no último domingo (11).

De acordo com Milane, Francisca tinha um caso com o padrasto dela, conhecido como Cabeção. “Por causa desse caso, ela ficava debochando da minha mãe. Qual é a filha que não vai defender a sua mãe? Mas eu não tinha intenção de matar ela. Se eu realmente quisesse matá-la teria levado uma faca ou uma arma”, declarou a suspeita à imprensa.

Milane não tem envolvimento com drogas e nunca teve passagem pela polícia. A jovem declarou que está arrependida, mas enfatizou que ela também poderia ter morrido se fosse agredida pela vítima.

“Foi uma fatalidade, qualquer uma de nós poderia ter morrido. No caso foi ela que apanhou, mas e se fosse eu que tivesse apanhado?”, questionou.

A família de Francisca, que estava na delegacia, ficou revoltada com as declarações e disse que Milane já ameaçava a vítima. “Ela foi lá com a intenção de matar a Francisca. Ela viu que ela estava no salão após uma publicação e esperou quase duas horas para concluir o plano de matá-la”, disse uma das familiares que não quis ser identificada.

A suspeita declarou que recebeu ameaças pelo telefone da família de Francisca. “Eles disseram que iam arrancar a minha cabeça ou matar o meu marido. Me entreguei por causa dessas ameaças, eu tenho tudo printado e já entreguei aos policiais”, enfatizou Milane.

Veja como foi a briga:

você pode gostar também