Take a fresh look at your lifestyle.

Em menos de dois meses, Prefeitura de Manaus já coletou mais de 10 mil exames RT-PCR para diagnóstico de Covid-19

-publicidade-

As 22 unidades de saúde da Prefeitura de Manaus, que fazem o atendimento exclusivo a casos suspeitos de Covid-19, realizaram em menos de dois meses, no período entre 1º de janeiro e 16 de fevereiro deste ano, mais de 10 mil coletas para o exame RT-PCR (do inglês Reverse-Transcriptase Polymerase Chain Reaction), considerado por especialistas na área, padrão-ouro no diagnóstico da doença. Em 2020, ao longo de nove meses (abril a dezembro), a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) fez 4.425 coletas, apenas em domicílio.

Só no mês de janeiro deste ano, as unidades preferenciais efetuaram 7.258 coletas, entre domiciliares, pelos quatro laboratórios distritais, e nas dez Unidades Básicas de Saúde (UBS) tradicionais; nas três UBSs móveis e na clínica da família Carmen Nicolau. Até a última terça-feira, 16/2, já haviam sido realizadas 3.422 coletas, totalizando 10.680 amostras para o exame RT-PCR.

“Em pouco mais de um mês e meio conseguimos aumentar o número de coletas para o RT-PCR em mais de 140%, o que significa que estamos conseguindo fechar diagnósticos mais precisos, permitindo que o acompanhamento clínico do paciente ocorra nas fases iniciais dos sintomas, contribuindo para que não haja o agravamento da doença. A orientação do prefeito David Almeida é no sentido de que possamos oferecer o máximo possível de recursos para cuidar das pessoas”, relata a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe.

A coleta de amostra das secreções respiratórias do paciente, para identificar a presença do vírus pelo exame RT-PCR, deve ser realizada no período compreendido entre o terceiro e o sétimo dia do surgimento de sintomas.

Resultados on-line

Além de ampliar o quantitativo de coletas, a Semsa está facilitando o acesso ao resultado do exame, que é realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Amazonas (Lacen/AM). Para isso, a Semsa reestruturou a plataforma, que já é disponibilizada para a consulta de outros exames, o “LabOnline”, que passou a oferecer também a opção de leitura de um código de resposta rápida, um QR Code, fornecido no comprovante da coleta, e cujo acesso é possível por meio do link https://labonline.manaus.am.gov.br.

“Essa é mais uma ferramenta que estamos oferecendo aos nossos usuários, que estão com suspeita de Covid-19, para que possam consultar o resultado do seu exame sem que precisem sair de casa, seguindo os protocolos de segurança estipulados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Estamos lançando mão à tecnologia, para facilitar o acesso dos usuários aos nossos serviços, contribuindo para que fiquem em casa”, destaca a secretária Shádia Fraxe.

Texto – Sandra Monteiro / Semsa

Foto – Altemar Alcântara / Semcom

-publicidade-