Amazonas Notícias

Em visita à fábrica Três Corações, Governo do Amazonas discute crescimento da produção de café 

Desenvolvimento econômico em vários setores do Estado é uma das diretrizes do governador Wilson Lima

Buscando ampliar a produção do café no Amazonas, a equipe técnica da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), do Governo do Amazonas, realizou uma visita à fábrica da empresa Três Corações, na AM-010, nesta quarta-feira (24/05).

O secretário executivo de Desenvolvimento Econômico da Sedecti, Gustavo Igrejas, afirmou que a determinação do governador Wilson Lima é de viabilizar o crescimento econômico nas diversas áreas, gerando emprego e renda no Amazonas. 

“O Amazonas tem grandes potenciais econômicos e estamos trabalhando para que os produtos regionais tenham um crescimento na produção e comercialização. Com isso não só a capital ganha, mas o interior também. Esse trabalho se estende por outros produtos além do café, como a borracha, castanha e o açaí, e sempre buscando o desenvolvimento econômico do nosso Estado”, disse.

O chefe do Departamento de Diversificação Econômica da Sedecti, Sandro Amazonas, ressalta que o Governo do Estado já trabalha para viabilizar a ampliação da produção do café, dando todo auxílio aos produtores. 

“Esta fábrica já gera emprego e renda, mas com o apoio do Governo do Estado vai gerar mais emprego ainda. Vamos trabalhar para articular a ampliação do café local. A Fábrica pretende adquirir mais ainda para crescer a cadeia produtiva do café no Amazonas”, disse Sandro.

O diretor industrial da Três Corações, Romero Martins, destacou que o apoio do Governo do Estado foi fundamental para a instalação da empresa no Amazonas. 

“É um prazer receber a equipe do Governo. Estamos no Amazonas desde 2020, mas foi a parceria com o Estado que nos permitiu construirmos uma fábrica aqui, e nos deu a oportunidade de crescer no mercado”, afirmou.

Também participaram da visita a secretária Executiva Adjunta de Relações Institucionais, Tayana Rubim, o chefe do Departamento de Controle e Incentivo, Anderson Grimm, e o assessor de Relações Internacionais, Felipe Litaiff.

Fotos: Asafe Augusto/Sedecti

Relacioandos