????????????????????????????????????

Profissionais do Distrito de Saúde (Disa) Sul receberam, na manhã desta terça-feira, 10/4, certificação pelo alcance das metas na Campanha de Vacinação contra a Influenza, encerrada no último dia 5, pelo prefeito Arthur Virgílio Neto. A entrega dos certificados aconteceu no auditório da sede do Disa Sul, na avenida Jornalista Umberto Calderaro Filho, Adrianópolis, zona Centro-Sul.

Dos cinco distritos coordenados pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), o Sul foi o primeiro a conseguir vacinar a totalidade de pessoas dos grupos prioritários específicos naquela área da cidade. A estimativa de pessoas a serem vacinadas pelo Disa Sul foi de 13.500 indivíduos, em uma área territorial extensa. De forma planejada e estratégica, as equipes conseguiram imunizar o público-alvo.

Estiveram presentes à certificação, a subsecretária de Gestão da Saúde, Adriana Elias, a chefe da Divisão de Imunização da Semsa, Isabel Hernandes, além de diretores de unidades.

O objetivo foi homenagear os profissionais de saúde do Disa Sul pelo empenho na distribuição das doses da vacina para imunizar a população daquela zona da cidade contra o vírus H1N1. Também foram entregues certificados de honra ao mérito aos servidores que se destacaram no alcance das metas da 2ª vigência do programa Bolsa Família e pela colaboração no atendimento às famílias atingidas pelo incêndio no bairro do Educandos, ocorrido em dezembro de 2018.

Para a gerente do Disa Sul, Tânia Muniz, foi um momento de agradecimento. “Essa homenagem é o nosso modo de retribuir e agradecer a todo o esforço e determinação que cada servidor do Disa Sul investiu, contribuindo para o alcance da meta já no nono dia. Para nós, é um orgulho e o sentimento para cada servidor nosso é o de gratidão”, afirmou.

“É muito bom ser reconhecido. Temos o dever de fazer um bom trabalho, cumprindo a nossa missão. Mas quando nos esforçamos, mesmo passando por dificuldades, e saímos vitoriosos, ultrapassando a meta, isso é gratificante e nos deixa muito felizes”, declarou a diretora da Policlínica Castelo Branco, Kellen da Silva.

— — —

Texto: Jean Holanda / Semsa

Fotos: José Nildo / Semsa