Take a fresh look at your lifestyle.

Equipes se preparam para Torneio SESI de Robótica a partir desta sexta-feira (07)

Alunos do interior do Amazonas criam projetos para melhoria e conservação dos espaços públicos

-publicidade-

Os amantes de robótica podem se agendar para esta sexta-feira e sábado, no SESI Clube do Trabalhador, que vai sediar a temporada 2019/2020 do Torneio SESI de Robótica First Lego League (FLL). O evento motiva alunos de escolas públicas e particulares a desenvolver soluções para problemas das cidades. A etapa regional do Torneio FLL será realizada das 7h30 às 17h30 e a entrada é gratuita.

Para atender ao tema City Shaper (Cidades Inteligentes), alunos da Escola SESI de Iranduba, Itacoatiara e Parintins desenvolvem projetos para controle digital do consumo de energia elétrica, revitalização sustentável de praça pública e redução dos lixos nas ruas da cidade. A Lego Master, equipe da Escola SESI Padre Francisco Luppino, enfrentou nove horas de viagem em lancha a jato, do município de Parintins a Manaus, para trazer o projeto de revitalização da Praça Eduardo Ribeiro, onde funcionou a antiga prefeitura município, distante 369 quilômetros da capital. Dez alunos criaram projeto para transformar o patrimônio histórico abandonado em uma praça sustentável.

A equipe propõe um modelo de praça preocupada com a preservação do meio ambiente, com utilização de telhados ecológicos, madeira reaproveitada, teto solar e tintas com base vegetais. “Não pensamos só em revitalizar e sim em dar funcionalidade à praça para o povo parintinense, com museu, academia ao ar livre, jardim, parquinho, pista para caminhada e biblioteca, todos utilizando materiais sustentáveis e alternativos”, explicou o técnico da equipe Lego Master, Helyssandro Tavares.

Alunos do 4º e 5º ano da Escola SESI David Nóvoa Alvarez, em Iranduba, também estão desenvolvendo ideias para melhoria do município. As equipes Engenheiros do Futuro e Iranbótica criaram projetos para combater o lixo intensivo nas ruas da cidade, por meio de uma petição pública, e controlar por meio de tecnologia digital no celular o consumo de energia e água, monitorando o valor que irá ser pago.

A técnica da equipe Iranbótica, Débora Mesquita, relatou que os projetos têm uma ideia de reorientação para a comunidade e que para sua aplicação é necessário tempo de adaptação por parte da população. “Os projetos são mais sobre conscientização, ou seja, reorientar o cidadão para viver melhor, tanto controlando mais sua energia e consumo de água, quanto no combate ao lixo presente nas ruas do Cacau Pirêra”, disse ela.

O problema do lixo também foi uma realidade apresentada e criada pelos alunos da Escola SESI Abrahão Sabbá, no município de Itacoatiara. A equipe Brasileiríssimos, formada por alunos do 9º ano e 2º ano do ensino médio, desenvolveu projeto para otimização do sistema de coleta de lixo. A ideia é criar uma lixeira de coleta seletiva eletrônica que, por meio de uma placa elétrica com sensor, sinaliza diretamente para o serviço de coleta pública, cooperativas, associações e/ou pessoas que trabalham com reciclagem à medida que as lixeiras estejam cheias.

“O protótipo da lixeira eletrônica foi construído com material de baixo custo, como canos, confecções de pvc, embalagens de batata, fios eletrônicos, lâmpadas led e um tablet. A fonte de energia do outdoor e das lixeiras será por meio de uma placa de energia solar”, relata a técnica da equipe Brasileiríssimos, Nesmara Raposo.

Esses e outros 25 projetos fazem parte da etapa regional norte do Torneio SESI de Robótica FLL. Avaliados em quatro categorias: Desafio do Robô, Design do Robô, Projeto de Inovação e Core Values, a competição este ano tem 29 equipes, formadas por estudantes de escolas públicas e privadas dos estados do Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima.

Veja programação da Etapa Regional Norte – Torneio de Robótica:

Ø 1º dia – Sexta-feira (7)

Ginásio

7h30 – Check in das equipes, decoração dos pits e chegada dos juízes

10h – Cerimônia de abertura

11h às 12h – Início oficial das competições

13h20 às 17h30 – Competição

Salão de Eventos

9h às 10h – Palestra com a engenharia química Larissa Queiroz do Instituto Creathus. Tema: Lean Start Up.

11h às 12h – Palestra com a Clarissa Oliveira, líder de Inovação da Semtepi. Tema: Como transformar uma ideia em negócio.

Exposição de filmes

Jogos interativos

14h- Roda de conversa: “Como a robótica está mudando nossas vidas?” com Kid Mahal.

Ø 2º dia- Sábado (8)

Ginásio

8h – Início das competições oficiais

14h20 – Partidas semifinais

15h – Finais

15h20 – Show Ciência em Show

16h – Cerimônia de premiação e encerramento

· Programação Oficina de Robótica no hall

10h às 11h – 14h às 15h -15h às 16h

-publicidade-