As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Escola em Tefé incentiva aprendizagem de matemática e leitura com atividades lúdicas

Projeto envolve os 460 estudantes da escola na produção de jogos e “árvores de leitura”

Incentivar o interesse pela leitura, escrita, interpretação, produção textual e a matemática por meio de atividades lúdicas. Este é o objetivo principal do projeto “A descoberta dos Saberes no mundo da Leitura e dos Números”, da Escola Estadual Professor Isidoro Gonçalves de Souza, em Tefé (a 523 quilômetros de Manaus).

O projeto foi desenvolvido para reduzir as dificuldades na leitura, escrita, interpretação de textos e resoluções nas quatro operações, de acordo com Marcilene Queiroz Cabral Santos, gestora da instituição de ensino.

“Percebemos nos alunos estas dificuldades e criamos um trabalho contínuo para este segundo semestre, por meio do projeto. A finalidade é propiciar uma aprendizagem significativa através da Matemática com atividades lúdicas, raciocínio lógico para resolução de problemas e desenvolver habilidades em produções textuais”, explicou Marcilene.

Atividades – Iniciadas na última semana e com previsão de duração até o final do ano letivo, as atividades do projeto acontecem concomitantemente às aulas regulares e envolve todos os 16 professores e os dois pedagogos da escola. Somando os turnos matutino e vespertino, são 460 estudantes beneficiados, do Ensino Fundamental I e II.

As turmas do 1º ao 5º ano serão sorteadas para representar um gênero textual: narrativo, descritivo, expositivo, injuntivo; as do 6º ao 9º ano falarão sobre um escritor (a) dos gêneros literários. “A exposição dos melhores textos em montagens de painéis, árvore da leitura, visitas na biblioteca a cada quinze dias também estão no cronograma”, afirmou Marcilene.

Serão realizadas também rodas de leituras (com a utilização de microfone e caixa de som) e trabalhos em grupo, utilizando jogos de Exatas, além de gincanas específicas para a disciplina de Matemática. A culminância do projeto será a apresentação e competição dos alunos que passaram por uma pré-seleção, realizada em sala de aula, durante a execução do projeto.

“Em dezembro, montaremos a Árvore dos Gêneros Textuais e, ao término da leitura, será sorteada uma pergunta para cada competidor responder. O estudante vencedor será o que preencher o maior número de critérios que estão no projeto. Será uma grande festa para finalizar o ano letivo”, assinalou a gestora.

FOTO: Divulgação/Seduc-AM

você pode gostar também