Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Escola estadual é finalista nacional na Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente

Alunos e professora da unidade produziram vídeo sobre a pandemia

“O que vocês esperam do pós-pandemia?”. Este foi um dos questionamentos feitos pela professora Rosecleide Medeiros, do Colégio Brasileiro Pedro Silvestre, a quatro alunos do Ensino Fundamental e que conduziu o vídeo de curta duração selecionado para a Etapa Nacional da Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente (OBSMA), promovida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A escola estadual é a única representante do Amazonas na próxima fase da disputa, na categoria Audiovisual.

Idealizado pela educadora de Artes Visuais, o vídeo possui a duração de 4 minutos e 30 segundos e teve como tema “O impacto da pandemia na vida do estudante”. Participaram do curta os estudantes Francisco Camilo Marques, Maria Eduarda Leite de Jesus, Antônio Miguel Alves Muniz Neto e Anna Jhulie de Souza Araújo, dos 6º e 7º anos.

O vídeo foi feito durante o final de 2020 e produzido de forma remota, com exceção de um take, que precisou ser gravado na unidade de ensino. Os demais registros que compuseram o resultado final do curta foram enviados, via WhatsApp, pelos próprios estudantes.

“O intuito desse vídeo foi escutar o aluno, dar voz a ele. Normalmente, só escutamos os professores e queria mudar isso. O adolescente costuma ficar muito ao léu, as pessoas não dão muita atenção aos seus sentimentos”, afirmou Rosecleide.

Com a proposta já em mente, ela pediu aos estudantes que respondessem, em forma de vídeos-depoimentos, duas perguntas: como eles estavam se sentindo com o isolamento e o que esperavam do pós-pandemia. “É muito importante incluí-los nesse debate e em iniciativas pedagógicas como essa. Assim, não somente damos voz aos alunos como também inspiramos outros a se engajarem”, destacou a professora.

Com a vaga na Etapa Nacional da OBSMA garantida, a educadora acredita que os estudantes se sentem mais confiantes e valorizados. “É uma oportunidade deles aparecerem e dizerem o que estão sentindo. Ficar no negacionismo não nos ajuda em nada”, concluiu.

Integrante do grupo vencedor, Francisco Camilo agradeceu a toda a equipe escolar do Colégio Brasileiro Pedro Silvestre, principalmente a Rosecleide e aos demais colegas que compraram a ideia do vídeo. “Esse resultado é muito importante e serve como um estímulo para a gente. Também é fundamental que nós discutamos a pandemia e tudo o que está acontecendo no mundo”, finalizou o aluno.

Sobre a OBSMA – Promovida pela Fiocruz, a OBSMA é um projeto voltado aos alunos de escolas públicas e privadas de todo Brasil com o objetivo de fortalecer, nos estudantes, o desejo de aprender, conhecer, pesquisar e investigar, além de estimular a realização de trabalhos que contribuam para a melhoria das condições ambientais e de saúde no país.

A cerimônia de entrega de medalhas e troféus acontecerá no próximo dia 22 de abril (a confirmar), de maneira on-line, por meio da plataforma Zoom. Durante o evento, serão apresentados os Destaques Regionais e anunciados, também, os Destaques Nacionais, etapa na qual o Colégio Brasileiro Pedro Silvestre disputa.

FOTO: Divulgação/Seduc-AM (obs.: imagens registradas antes da pandemia)

-publicidade-