Os parlamentares dos legislativos municipal e estadual parecem que finalmente estão entendendo a importância de apoiar um segmento da sociedade para garantir pelo menos mais um mandato. Na CMM, tem vereadora apoiando nossos atletas sempre carentes, mesmo os universitários; vereador buscando garantir o primeiro emprego para os jovens, procurando abrir portas para uma melhor idade mais digna; buscando dar mais empoderamento às mulheres vítimas da violência, impedindo a nomeação de condenados com base na Lei Maria da Penha.

Na Aleam, corrida dos deputados é pelo apoio aos professores e outros servidores públicos. Na política, escolher um lado é saudável, desde que seja visando melhorias para o trabalhador, para as minorias, para a sociedade.