Feira da FAS movimenta a agenda cultural de Manaus

Além de um ambiente de incentivo à economia criativa, a Feira da FAS vem se consolidando como importante opção de lazer e entretenimento para a população amazonense. O evento é composto por espaços temáticos que oferecem aos visitantes atividades relacionadas à saúde, bem-estar, música, games, sustentabilidade, entre outros temas. A próxima edição será realizada no dia 11 de novembro, das 9h às 19h, na sede da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), localizada na Rua Álvaro Braga, 351, Parque 10 de Novembro. A entrada é gratuita.

Na lista de atividades que já fazem parte da programação fixa da feira está a prática da yoga. As aulas são conduzidas por instrutores da Kuma Yoga School e buscam proporcionar ao público benefícios como o controle do estresse, ansiedade, dores no corpo e na coluna, além de melhorar o equilíbrio físico, mental e espiritual.

Outra aliada eficiente na jornada por uma vida saudável é a Tui Na, como é chamada a massoterapia chinesa. Quem comparece ao evento tem a oportunidade de conhecer mais sobre a especialidade e realizar uma sessão. A técnica é aplicada no alívio do estresse, além de prevenção e tratamento de diversas dores e doenças, como explica o massoterapeuta Victor Pimentel.

“A massoterapia chinesa é uma das especialidades da Medicina Tradicional Chinesa, que vem sendo utilizada há milênios. Através de manipulações e técnicas específicas, ela auxilia na melhora de diversas condições físicas, como na dor de cólicas menstruais e de sinusite, por exemplo, e problemas de aspecto emocional, como ansiedade e estresse”, diz.

Diversão

O evento também possui uma programação especial para o público infantil. Entre as atrações, estão pula-pula, brincadeiras, sessão de cinema com pipoca e atividades lúdicas de educação ambiental com o projeto Pequenos Curupiras.

Para os fãs de games, o grande atrativo é o “Espaço Geek”, onde adultos e crianças se revezam entre opções de jogos eletrônicos e de mesa. A diversão é gratuita e dura o dia todo.

“A proposta é oferecer à população, de forma educativa, interativa e acessível, um dia de lazer e cultura. É um evento para todas as idades e públicos”, enfatiza a coordenadora da Agenda Cidades Sustentáveis da FAS, Paula Gabriel.

Orgânicos

Quem está em busca de uma alimentação livre de agrotóxicos pode aproveitar a feira para comprar frutas, legumes, verduras e hortaliças. Desde setembro, o “Espaço Hortifrúti” do evento é ocupado exclusivamente por produtores orgânicos.

A iniciativa é resultado de uma parceria com a Rede Maniva de Agroecologia do Amazonas (Rema), que atua no apoio à implantação de políticas públicas para a agricultura orgânica no Estado.

“Espaços como esse proporcionam a democratização do acesso aos produtos orgânicos para a sociedade. Quanto mais pontos de vendas, mais facilidade para quem tem interesse em comprar esses alimentos. Isso garante mais renda e estímulo para os agricultores”, destaca o engenheiro agrônomo e coordenador da Rema, Márcio Menezes.

Espaço Verde

Reunindo expositores de plantas e produtos de jardinagem, o “Espaço Verde” é opção para quem levar um pouco da natureza para o dia a dia, seja criando o próprio jardim ou decorando ambientes internos. No evento, os visitantes poderão encontrar diferentes espécies de flores e plantas, vasos decorativos, terrários, adubo, terra, entre outros produtos, além de tirar dúvidas, em contato com os expositores, sobre os cuidados recomendados para o cultivo de cada espécie.

“É um dos setores de maior sucesso da feira. O colorido dos estandes sempre atrai a atenção do público, que acaba parando para apreciar, fotografar, adquirir a sua planta e saber um pouco mais sobre esse universo”, afirma Paula Gabriel.

Sobre a feira

A Feira da FAS ainda terá exposição de artigos criativos e comidas variadas, aula de ritmos e shows de bandas e artistas locais.

O evento ocorre mensalmente e está inserido na Agenda Cidades Sustentáveis da FAS, que desenvolve projetos com foco nos conceitos de melhoria da cidade e sustentabilidade urbana, a partir da mobilização social e engajamento. A realização acontece em parceria com o produtor cultural Jander Manauara e a Sustental Projetos.