A elaboração de um plano estratégico e ações coordenadas para estabelecer um modelo econômico pós Zona Franca de Manaus (ZFM) são os temas do livro “Amazonas 2073+: O Futuro, Presente!”, realizado pelo Instituto Piatam (Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia), com apoio da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM). O lançamento do livro será no dia 21 no auditório da FIEAM.

O livro reúne o olhar de empresários, cientistas e especialistas em áreas estratégicas que, a convite do Instituto Piatam, apresentam suas visões para a construção de um futuro caminho para o Amazonas seguir e se preparar nesses 56 anos que faltam para o término dos incentivos econômicos da ZFM.

Com a promulgação da Emenda Constitucional 83/2014 pelo Congresso Nacional, que prorroga os incentivos fiscais especiais do projeto ZFM até o ano de 2073, o presidente do Piatam e organizador do livro, Alexandre Rivas, acredita que, para modificar o futuro do estado, devemos ser proativos e tomar iniciativas, organizá-las e começar a pô-las em prática.

“A prorrogação da lei dos benefícios fiscais sozinha não é suficiente para garantir que o estado continue em uma rota de desenvolvimento, então o que a gente fez foi apresentar outros objetivos que não excluem a ZFM, mas apresenta setores para serem desenvolvidos também de forma completar e interagir com a dinâmica econômica do estado tornando-o mais rico e próspero”, disse Rivas, ao alertar que não se deve esperar até 2073 para tomar essas iniciativas.

Na programação de lançamento serão apresentadas algumas das propostas descritas no livro pelos convidados nas áreas de planejamento, capital humano, indústria, tecnologia da informação e comunicação, logística portuária, agronegócio, mineração, turismo e projeção nacional, bioeconomia, gestão ambiental, serviços ecossistêmicos, recursos florestais e pesca e piscicultura.

“Esses são tópicos importantes para a economia do Amazonas, do ponto de vista estratégico, e escolhi para desenvolvê-los representantes que têm peso e atuação nas áreas aqui no Amazonas. Com conversas individuais, expliquei a proposta de apresentar uma contextualização da sua área e um conjunto de proposta com base na vivência deles, para tecer um norte para o estado”, explicou ele.

Pós-doutor em Economia Ambiental pela Washington and Lee University, Alexandre Rivas, é também presidente do Instituto Piatam, que desenvolve projetos estratégicos, reunindo várias áreas do conhecimento, com a finalidade de responder necessidades tanto de cunho ecológico como social.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here