Fundo Manaus Solidária destina R$ 5,7 mi às organizações sociais

As Organizações da Sociedade Civil (OSC) que trabalham com geração de renda e inclusão social têm até o dia 31 deste mês para concorrer ao Edital de Fomento, do Fundo Manaus Solidária, no valor de R$ 5.760.000. O edital beneficiará 32 projetos com o valor máximo de R$ 180 mil cada. A documentação necessária para concorrer deve ser entregue no setor de protocolo da Casa Civil, na sede da Prefeitura de Manaus, na avenida Brasil, 2.971, Compensa, das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira.

Poderão concorrer ao Edital de Fomento organizações que apresentem projetos sociais com atuação em: Geração de Renda; Inclusão Social de Crianças e Adolescentes; Inclusão Social de Jovens e Adultos; Inclusão Social de Idosos; Inclusão Social de Mulheres em Situação de Risco e Inclusão Social de Pessoas com Deficiência.

Segundo a presidente do Fundo Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko Ribeiro, é indiscutível o valor que as organizações sociais possuem e o trabalho que realizam em benefício da população mais carente. Somado a isso há também toda a luta e os sacrifícios realizados para que as atividades sejam mantidas, por isso a importâncias da participação das OSC no Edital de Fomento do Manaus Solidária.

“Nosso principal compromisso nesse processo todo, até a chegada do Edital de Fomento que lançamos no dia 02 de outubro, foi oportunizar às organizações sociais que pudessem estar preparadas para concorrer a quaisquer editais de fomento.”

O Edital de Fomento nº 001/2018-Fundo Social de Solidariedade, sendo o nome fantasia Fundo Manaus Solidária, estabelece que os documentos necessários para participar da seleção podem ser entregues até o dia 31/10. A publicação do resultado definitivo do Edital de Fomento sairá no dia 22/11/18.

Mais informações sobre os pré-requisitos para participar do Edital de Fomento do Fundo Manaus Solidária estarão disponíveis no Diário Oficial do Município (DOM) e nos sites www.manaussolidaria.org e www.manaus.am.gov.br.

Ao todo, o edital contempla seis eixos de atuação. São eles:

Eixo I – Geração de renda– projetos sociais voltados à formação e qualificação profissional de pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Eixo II – Inclusão social de crianças e adolescentes– projetos sociais voltados à inclusão de crianças e adolescentes (até 18 anos incompletos).

Eixo III – Inclusão social de jovens e adultos– projetos sociais voltados à inclusão de jovens e adultos em situação de risco ou vulnerabilidade social (até 60 anos incompletos).

Eixo IV – Inclusão social de idosos– projetos sociais voltados à inclusão social de idosos em situação de vulnerabilidade social, vítimas de abandono ou violência doméstica.

Eixo V – Inclusão social de mulheres em situação de risco– projetos sociais voltados à inclusão social de mulheres em situação de risco social.

Eixo VI – Inclusão social de pessoas com deficiência– projetos sociais voltados à inclusão social de pessoas com deficiência, de qualquer natureza.