As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

FVS-AM realiza exposição sobre Aedes aegypti na programação de Mês do Meio Ambiente

Gov Agricultura

A Fundação de Vigilância em Saúde do Estado do Amazonas (FVS-AM), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Saúde (Susam), realizou, na manhã desta quinta-feira (06/06), uma exposição educativa sobre o Aedes aegypti e a prevenção de doenças transmitidas pelo mosquito, no Parque Estadual Sumaúma, no bairro Cidade Nova, zona norte de Manaus. A exposição ocorreu na programação alusiva ao Mês do Meio Ambiente, coordenado pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema).

De acordo com a diretora-presidente da FVS-AM, Rosemary Costa Pinto, essas ações educativas são fundamentais para expor, de forma lúdica, a importância de se prevenir contra a proliferação do mosquito Aedes aegypti. “Os jogos lúdicos são uma ótima ferramenta e alcançam não só crianças como jovens e adultos. A prevenção às doenças é uma das missões da FVS”, pontuou Rosemary.

A gerente do Núcleo de Educação em Saúde (NES), da FVS-AM, Amanda Andion, apontou que, durante a exposição, foram abordados a identificação, proliferação e formas de prevenção do Aedes aegypti. “As crianças, e até os adultos, se tornam multiplicadores e acabam orientando a família em casa”, afirmou Amanda, acrescentando que a FVS-AM realiza ações de educação ambiental e prevenção a doenças com materiais lúdicos há, pelo menos, 10 anos.

Logo que chegou à exposição da FVS-AM, a estudante Isabelly Menezes, 17, foi direto ao microscópio da equipe de Entomologia. Interessada em prevenção de doenças, a adolescente sonha em atuar na área da saúde, como enfermeira ou médica.

Na exposição, ela conseguiu ver a larva do Aedes aegypti, e outras fases do ciclo de vida do mosquito. “É sempre muito bom conhecer melhor sobre prevenção de doenças. Sempre fui interessada nessa parte da ciência”, disse Isabelly.

O também estudante Samuel Logan Rodrigues da Silva, 17, disse que a exposição é importantíssima para lembrar o que muitos possuem conhecimento superficial. “As pessoas deveriam dar mais atenção para a prevenção da dengue, por exemplo. É um perigo para a saúde”, afirmou Samuel, acrescentando que tem interesse em cursar ensino superior em Biologia.

Na exposição, a estudante Laylla Serpa Alves, 17, lembrou que há uma caixa d’água aberta no quintal da casa dela após ter ouvido as orientações da equipe da FVS-AM. “Já vou pedir para o pessoal lá de casa tampar e limpar a caixa d’água para não ter mosquito”, disse Laylla.

Exposição – A exposição inclui material educativo com panfletos, jogos de tabuleiro com dados, mosquiteiros impregnados de longa duração, jogo da memória, caça-palavras e duas funcionárias que assumiram a fantasia de mosquito para tornar ainda mais lúdica a ação; além de exposição de bombas para fazer borrifação e materiais que podem funcionar como criadouros de mosquito, como pneus e recipientes abertos.

Participaram da exposição, equipes dos seguintes setores da FVS-AM: Gerência de Doenças de Transmissão Vetorial (GDTV- Dengue), Subgerência de Entomologia e Grupo Técnico de Integração (GTI).

FOTO: Divulgação/FVS-AM

você pode gostar também