Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

FVS informa a aplicação de 326.129 doses de vacina contra Covid-19 até esta quarta-feira (03/03)

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) divulga o consolidado diário de vacinação contra Covid-19 no Amazonas. Dados parciais do Programa Nacional de Imunização, da FVS-AM (PNI/FVS-AM), apontam que 326.129 doses foram aplicadas em todo o estado até esta quarta-feira (03/03), sendo 262.088 de primeira dose e 64.041 de segunda dose. A informação está disponível no site da FVS-AM por meio do link: https://bit.ly/3aTsndS.

O Plano Operacional da Campanha de Vacinação contra Covid-19 no Amazonas, desenvolvido pela FVS-AM, com base nas orientações do Ministério da Saúde (MS), prevê que, até esta fase da vacinação, sejam contempladas pessoas que estejam nos seguintes grupos prioritários: povos indígenas vivendo em terras indígenas, trabalhadores de saúde, pessoas idosas de 60 anos ou mais, pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas e pessoas institucionalizadas com deficiência.

As informações consolidadas pela FVS-AM são de responsabilidade das secretarias municipais de saúde, responsáveis pela operacionalização da imunização contra Covid-19 em suas cidades. Neste balanço, três cidades não enviaram a informação. São essas: Codajás, Ipixuna e Tabatinga.

Doses aplicadas por município – Conforme dados gerenciados pela FVS-AM, e informados pelas secretarias municipais de saúde de cada cidade do Amazonas, até esta quarta-feira (03/03), foram aplicadas as seguintes quantidade de doses, considerando a 1ª e 2ª dose: Manaus (160.718), Benjamin Constant (11.188), Tabatinga (10.578), São Gabriel da Cachoeira (10.432), São Paulo de Olivença (8.870), Autazes (8.085), Santo Antônio do Içá (6.292), Itacoatiara (6.261), Maués (5.896), Borba (5.639), Manacapuru (5.224), Parintins (5.116), Tefé (4.750), Lábrea (4.553), Manicoré (4.170), Barreirinha (4.170), Coari (3.828), Santa Isabel do Rio Negro (3.416), Humaitá (3.234), Amaturá (3.068), Atalaia do Norte (2.914), Jutaí (2.914), Eirunepé (2.662), Boca do Acre (2.117), Careiro (2.034), Nova Olinda do Norte (1.951), Iranduba (1.856), Nhamundá (1.768), Envira (1.719), Rio Preto da Eva (1.697), Barcelos (1.560), Careiro da Várzea (1.559), Alvarães (1.557), Tapauá (1.520), Fonte Boa (1.365), Presidente Figueiredo (1.335), Carauari (1.226), Urucará (1.176), Beruri (1.155), Novo Aripuanã (1.095), Maraã (1.093), Urucurituba (973), Novo Airão (895), Japurá (881), Silves (877), Boa Vista do Ramos (861), Uarini (843), Anamã (841), Anori (810), São Sebastião do Uatumã (787), Itamarati (773), Canutama (755), Guajará (697), Ipixuna (657), Caapiranga (646), Codajás (631), Apuí (622), Itapiranga (621), Manaquiri (591), Juruá (514), Tonantins (83) e Pauini (10).

Doses aplicadas por grupo prioritário geral – Indígenas: 58.360 de 1ª dose e 25.692 de 2ª dose; trabalhadores da saúde: 82.929 de 1ª dose e 36.120 de 2ª dose; pessoas com 80 anos ou mais: 31.167 de 1ª dose e 852 de 2ª dose; pessoas de 75 a 79 anos: 27.518 de 1ª dose e 575 de 2ª dose; pessoas de 70 a 74 anos: 39.671 de 1ª dose e 461 de 2ª dose; pessoas de 65 a 69 anos: 19.517 de 1ª dose e 91 de 2ª dose; pessoas de 60 a 64 anos: 2.685 de 1ª dose e 89 de 2ª dose; pessoas institucionalizadas com 60 anos ou mais: 215 de 1ª dose e 158 de 2ª dose; pessoas institucionalizadas com deficiência: 26 de 1ª dose e três de 2ª dose.

Distribuição –Até o momento o Amazonas recebeu 738.420 doses de vacina contra a Covid-19. Dessas, 665.580 doses foram entregues e 71.724 doses a serem entregues. Mais informações acesse https://bit.ly/3owHiPU.

Referência – A FVS-AM é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas, que inclui a prevenção de doenças por meio da imunização coordenada, no Amazonas, pelo Programa Nacional de Imunização (PNI/FVS-AM). A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Torquato Tapajós, 4.010, Colônia Santo Antônio, Manaus. Contato telefônico da FVS-AM (92) 3182-8550 e 3182-8551. Contato telefônico do PNI/FVS-AM são (92) 2129-2500 e 2129-2502.

FOTO: Lucas Silva / Secom

-publicidade-