Em encontro promovido pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do AM na tarde de ontem, 01, o governador do estado de Rondônia, Confúcio Aires Moura, debateu com o presidente da Fecomércio AM, Dr. José Roberto Tadros, temas que envolvem estados da região amazônica. O tema central do encontro, foi a proposta para criação da ferrovia transoceânica, que visa melhorar a logística de escoamento da produção dos estados da região Norte. O projeto possui parceria com o governo chinês e se realizado terá mais de 3.500 Km de extensão, um investimento de mais de 40 bilhões de reais e uma estrutura de integração de transporte multimodal (ferrovia, hidrovia e rodovia). Confúcio Moura pretende, em parceria com os governadores do Amazonas, Acre e Mato Grosso, acompanhar com o governo federal a implantação e andamento do projeto, oferecendo suporte e reduzindo a burocracia.

O governador de Rondônia destaca que “nós (estados do Norte e Mato Grosso) queremos acompanhar o passo a passo deste projeto, dar sugestões e ajudar, para que o governo brasileiro, juntamente com o chinês, possam desenvolver todos os estudos necessários para essa integração de transporte multimodal”. O Amazonas iria escoar sua produção via hidrovias até Porto Velho e de lá os produtos passariam a ser transportados por ferrovia até o Peru para exportação ou para os estados das outras regiões brasileiras.

O presidente da Federação do Comércio do AM, Dr. José Roberto Tadros, enaltece o projeto e destaca a importância da criação desta ferrovia, no que tange a melhora na logística de transporte entre os estados da região Norte. O presidente destaca que há “uma complementariedade entre Rondônia e o Amazonas, pois o primeiro é um grande produtor de alimentos e o segundo um grande mercado consumidor, por outro lado os produtos do Polo Industrial teriam um melhor escoamento para Rondônia e o resto do país.” Para o presidente da Fecomércio, está proposta, se implantada, criaria um “canal do Panamá terrestre”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here