Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Governo do Amazonas avança com obras de construção do hemonúcleo de Tabatinga

As obras de construção do primeiro hemonúcleo de Tabatinga (a 1.108 quilômetros de Manaus) avançam dentro do cronograma estabelecido. O projeto, de iniciativa do Governo do Amazonas, visa garantir a expansão dos serviços de hemoterapia no interior do estado. A construção do hemonúcleo está sendo realizada por meio de uma parceria entre a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra) e a Fundação Centro de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam).

Com investimento de R$ 1.445.026,44, o contrato prevê a construção de um prédio com 600m², que irá abrigar os laboratórios, consultórios, postos de enfermagem, salas de atendimento e triagem, bem como a coleta de sangue. Também está prevista a construção de salas de resíduos e esterilização, estação de tratamento de esgoto e estacionamento.

Na etapa atual, foram concluídos os serviços de construção da fundação em radier do prédio (sapatas), a superestrutura, os pilares da superestrutura e as vigas, bem como o assentamento da alvenaria, dentre outros itens.

O hemonúcleo de Tabatinga é a segunda unidade construída no interior neste segmento e irá oferecer exames laboratoriais de baixa e média complexidade, diagnóstico precoce, coleta, fracionamento e transfusão de sangue. A primeira unidade descentralizada de coleta e tratamento de sangue foi construída em Coari.

Situado na calha do Alto Solimões, o município de Tabatinga tem uma população estimada em 67.182 habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) referentes a 2020.

FOTO: Projeto Hemonúcleo

-publicidade-