Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Governo do Amazonas divulga nova lista de habilitados como trabalhadores da cultura

Habilitação é um dos requisitos para poder receber o auxílio emergencial

A segunda lista de habilitados como trabalhadores da cultura, um dos requisitos para poder receber o auxílio emergencial anunciado pelo Governo do Amazonas, está disponível no Portal da Cultura. O benefício, que faz parte do programa Amazonas Cultura de Valor, vai beneficiar famílias de profissionais em situação de vulnerabilidade devido à pandemia, e será pago no valor de R$ 600, dividido em três parcelas mensais. Para conferir os habilitados, basta acessar este link: https://bit.ly/3hMVXGI.

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa ressalta que estar habilitado como trabalhador da cultura não garante o benefício, mas é uma das etapas necessárias, que comprova atuação na área. Após a habilitação, os nomes são enviados para o DataPrev, para mais uma análise de dados.

Editais de auxílio ao setor cultural – A Secretaria de Cultura e Economia Criativa está com inscrições abertas para três editais de auxílio ao setor cultural, de seleção e aquisição de acervo bibliográfico e de obras de arte, e de propostas artísticas de conteúdo virtual. As inscrições vão até 3 de julho (obras de arte e acervo bibliográfico) e 9 de julho (conteúdo virtual). Para participar é necessário estar inscrito também no Cadastro Estadual de Cultura; e ter concluído o processo ao menos 15 dias antes do prazo de encerramento dos editais.

O edital para aquisição de acervo bibliográfico selecionará até 150 títulos de escritores amazonenses, com o objetivo de estimular a geração de renda para estes artistas e também incrementar atividades do “Programa Mania de Ler”, além do acervo das bibliotecas e salas de leitura coordenadas pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa. Cada escritor poderá receber até R$ 1,2 mil. O valor total do edital é de R$ 180 mil.

Já o edital de seleção e aquisição de obras de arte, selecionará até 250 obras de artistas amazonenses para incrementar o acervo e a reserva técnica da Pinacoteca do Estado, museus e demais equipamentos culturais do Estado. O proponente receberá um valor de R$ 2 mil caso a obra seja selecionada. No total, o edital receberá o valor de R$ 500 mil.

O edital para criação de propostas artísticas de conteúdo virtual irá selecionar até 600 projetos em diversos segmentos artísticos. Cada proposta selecionada receberá o valor de R$ 1,9 mil.

Saiba mais: http://editais.cultura.am.gov.br/novo/editais-de-auxilio-ao-setor-cultural/

Cadastro Estadual de Cultura – Para realizar o cadastro são necessários os seguintes documentos digitalizados: RG, CPF, comprovante de residência, autodeclaração, portfólio (fotos de atividades exercidas no setor cultural, ou matérias veiculadas na imprensa, ou publicações em redes sociais), declaração de órgão público e associações culturais ou de empresas de eventos, informando que o solicitante presta serviços artísticos e culturais e que faz parte da cadeia produtiva; entre outros documentos que comprovem a atuação na área artística e de economia criativa por no mínimo dois anos.

FOTO: Michael Dantas

-publicidade-