27.3 C
Manaus
sexta-feira, fevereiro 23, 2024

Governo do Amazonas investe R$ 218,2 milhões no Passe Livre Estudantil em Manaus

O Governo do Amazonas, através de uma iniciativa para melhorar o transporte público e manter o Passe Livre Estudantil, repassou R$ 20 milhões à Prefeitura de Manaus nesta quinta-feira (07/12). Com este último repasse, o governo estadual alcança um total de R$ 218,2 milhões investidos no programa desde 2022, sendo R$ 120 milhões apenas em 2023.

Os repasses são realizados pela Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), ligada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano (Sedurb), ao Instituto de Mobilidade Urbana (IMMU). Esses recursos são fundamentais para garantir a gratuidade de passagens de ônibus para estudantes das escolas públicas da capital amazonense.

O convênio do Passe Livre, parte do Programa de Reestruturação e Qualificação do Transporte Público do Município de Manaus, foi assinado inicialmente em dezembro de 2021 e renovado em 2023, pelo governador Wilson Lima e pelo prefeito de Manaus, David Almeida.

Segundo Marcellus Campêlo, secretário da Sedurb, os recursos são repassados a cada dois meses, totalizando seis parcelas ao ano. O convênio beneficia aproximadamente 170 mil alunos, incluindo 50 mil da rede pública municipal e 120 mil do Estado. O Passe Livre Estudantil é um suporte essencial para as famílias mais carentes, ajudando a manter os filhos na escola.

Desde a implementação do programa, o governo estadual já repassou um total de R$ 218,2 milhões, com R$ 118,2 milhões em 2022 e uma contrapartida municipal de R$ 36 milhões, além de R$ 120 milhões em 2023 com igual contrapartida do município.

O Passe Livre assegura a gratuidade do transporte a estudantes da rede municipal e estadual que moram a mais de um quilômetro de distância da escola, com um limite de 44 passagens mensais. Para distâncias menores, é garantido o direito à meia-passagem estudantil.

Este investimento representa um compromisso significativo do Governo do Amazonas em apoiar o acesso à educação e aliviar os custos de transporte para famílias em Manaus, contribuindo para a manutenção da frequência escolar e a qualidade de vida dos estudantes.

spot_img