Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Governo do Amazonas realiza capacitações na zona rural de Manaus

A reforma do Centro de Capacitação Rural e a realização do “Peixe no Prato Solidário” para Comunidade Bela Vista também foram tratados

Na manhã desta quarta-feira (05/05), o titular da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), Petrucio Magalhães Júnior, visitou o Centro de Referência da Assistência Social (Cras), na Comunidade Bela Vista, bairro Puraquequara, zona leste de Manaus, para realizar a entrega dos certificados dos cursos de artesanato, que aconteceram de 15 de abril a 5 de maio, resultado da parceria entre a Sepror e a Cooperativa de Trabalho de Artesanato Amazonense (Copamart).

Em conversa com as comunitárias, Petrucio Magalhães reafirmou o esforço do Governo do Estado em reerguer a economia que sofreu tantos impactos com a pandemia.

“A determinação do Governador Wilson Lima é de apoiar a retomada das atividades econômicas, e a capacitação é um importante instrumento de transformação e geração de emprego e renda nas comunidades rurais de Manaus. Além disso, já determinamos a elaboração de um projeto técnico para reforma do Centro de Capacitação Rural da Comunidade Bela Vista, para ser referência de cursos tecnológicos para jovens da comunidade”, disse o secretário.

Os cursos, que encerraram hoje, contaram com seis turmas de 15 alunas, totalizando 90 pessoas que foram beneficiadas com as atividades, que podem trazer uma renda extra.

Os cursos divididos em enfeite de porta para maternidade, chaveiro de coruja, pulseira de sementes, brinco, marcador de texto (Frida) e papietagem (uso de papeis que seriam descartados para se tornarem peças artesanais como cestos), somaram 58 horas aula.

Para a aluna Walcilene Nascimento, esta é uma oportunidade de aprender algo novo e poder ajudar nas finanças de casa. “Eu achei maravilhoso, pois aprendi bastante coisa e vou até adquirir as peças e fazer o artesanato para poder ganhar uma rendinha extra”, afirmou Walcilene.

A comunidade fez algumas solicitações e uma delas foi atendida de imediato, quando o secretário anunciou uma parceria entre a Sepror e a Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc). Além disso, a Sepror, em parceria com o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), vai disponibilizar 65 cursos profissionalizantes, entre eles o de caseiro rural, piscicultura e diversos outros que vão ajudar os produtores rurais na capacitação e participação em programas do Governo do Estado.

Para a presidente da Associação de Moradores da Comunidade Bela Vista, Neuza França, é importante a presença do Governo do Estado na comunidade para debater as situações e mostrar soluções práticas.

“É uma satisfação muito grande receber o secretário, que é um representante do Governo do Estado em nossa comunidade. Somos muito agradecidos por isso, principalmente pela ajuda que traz com estes cursos, porque nessa situação de pandemia, eles passam a ser um meio de sobrevivência para estas mães, que já estão vendendo seu próprio artesanato, fruto do ensinamento adquirido aqui”, falou Neuza.

Outro ponto abordado na conversa entre o secretário e os comunitários, foi a reativação do Centro de Capacitação Rural de Manaus (Cetrum), que segundo Fernando Barros, responsável do Cras na comunidade, será de grande ajuda, pois até algumas comunidades próximas poderão ser beneficiadas.

“Essa conversa foi excelente para nós, por tudo o que o secretário quer fazer pela gente. Ele foi ver o Cetrum que estava desativado por um tempo e agora temos essa esperança dessa mudança que vai ajudar todos nós”, afirmou Fernando.

Peixe no Prato Solidário – Ainda durante o encontro, o secretário falou sobre a possibilidade de realizar um “Peixe no Prato Solidário”, na comunidade, onde a Sepror poderá distribuir cestas com produtos regionais e peixes para as pessoas em situação de vulnerabilidade.

FOTO: Divulgação/Sepror

-publicidade-