Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

-publicidade-

Governo do Amazonas, via Sejusc, inicia estudo para implantação de unidade do PAC em Rio Preto da Eva

Secretárias da pasta estiveram no município nesta quarta-feira (12/05)

Atendendo a uma solicitação do Governo do Amazonas, a gestora da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania, Mirtes Salles, esteve, na manhã desta quarta-feira (12/05), na cidade de Rio Preto da Eva (a 57 quilômetros de Manaus), para dar início a um estudo que visa a implantação de uma unidade de Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC) no município.

A iniciativa faz parte de um investimento anunciado pelo governador Wilson Lima que irá destinar R$ 15 milhões ao setor social na capital e interior do estado. Até o final do ano, a Sejusc pretende ampliar o serviço dos PACs para mais cinco municípios. O anúncio foi feito pela primeira-dama do Amazonas, Taiana Lima, durante o 1º Encontro de Primeiras-Damas dos Municípios do Amazonas, ocorrido no dia 23 de abril.

“Essa implantação faz parte do projeto de ampliação dos PACs para os municípios do interior do Amazonas. O governador pediu que a Sejusc ampliasse o serviço para que a gente possa atender essa população do interior e que hoje enfrenta dificuldades na emissão de documentos. Esperamos que até o final do ano consigamos inaugurar cinco PACs, entre eles o de Rio Preto da Eva, onde a prefeitura tem sido parceira do Governo do Amazonas para a construção da unidade”, disse a secretária Mirtes Salles.

A secretária executiva de Cidadania da Sejusc, France Mendes, destacou que a ação reforça os princípios da pasta em executar ações que atendam às demandas da população.

“É de grande importância a ampliação desse serviço, isso traz um benefício à comunidade, aos cidadãos, onde, num lugar só, terá vários atendimentos e várias soluções para os problemas do dia a dia. É isso que os cidadãos precisam, ter essa atenção do Governo do Estado para que possam organizar e resolver suas vidas”, afirmou.

O vice-prefeito de Rio Preto da Eva, Neto do Baixo Rio, reforçou que a chegada do serviço no município também irá beneficiar os moradores das cidades adjacentes.

“Essa parceria da prefeitura com o Governo do Estado vai facilitar e agilizar o atendimento não só da população rio-pretense, mas também dos moradores das cidades vizinhas. Temos alguns municípios que passam por Rio Preto da Eva, como Urucurituba, Urucará, São Sebastião do Uatumã, Itapiranga, Silves, Itacoatiara, por exemplo. Ou seja, o PAC irá atender todas essas cidades adjacentes. Isso irá aquecer a economia e trazer comodidade aos cidadãos”, destacou Neto.

PACs – Ao todo, a Sejusc coordena 13 unidades do PAC, sendo nove na capital e quatro em outros municípios: Iranduba, Itacoatiara, Manacapuru e Parintins. A primeira unidade do PAC foi inaugurada no dia 20 de março de 1998, no bairro São José, na zona leste de Manaus.

FOTO: Raine Luiz/Sejusc

-publicidade-