Take a fresh look at your lifestyle.

-publicidade-

Governo do Estado e Águas de Manaus alinham informações para um novo programa de saneamento

Reunião oportunizou alinhamento dos projetos de abastecimento de água e coleta de esgoto ainda na fase de elaboração do projeto

Buscando o alinhamento prévio em diretrizes de abastecimento de água e coleta e tratamento de esgoto para a elaboração de um novo programa nos moldes do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim), o Governo do Estado, por meio da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), reuniu-se com equipes técnicas da concessionária Águas de Manaus, durante esta semana, na sede da concessionária.

Durante a reunião, estiveram presentes os subcoordenadores e técnicos dos setores de engenharia, ambiental, institucional e planejamento da UGPE, representantes técnicos e o diretor executivo da concessionária Água de Manaus, como também um consultor do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A UGPE é responsável pelas intervenções do Prosamim, e a Águas de Manaus é a responsável pela água e esgoto no município. Legalmente, o programa constrói obras de distribuição de água e tratamento de esgoto e repassa essas obras para serem operadas pela empresa. O alinhamento visa aproximar a concessionária de água e esgoto, para que o projeto que está sendo desenvolvido esteja alinhado com a concessionária de água desde a gênese do projeto.

Segundo o subcoordenador de Planejamento, Controle e Gestão da UGPE, Leonardo Barbosa, os aspectos discutidos durante a reunião visam elucidar as dúvidas e acrescentar possíveis melhorias durante a fase de concepção do novo programa.

“A concessionária de água e esgoto é quem recebe, opera e conserva as obras realizadas depois, então é importantíssimo que, desde a elaboração, o projeto esteja de acordo com as diretrizes e com a forma como eles vão operar futuramente”, explica o subcoordenador.

No aspecto ambiental, o subcoordenador do setor ambiental, Otacílio Cardoso Junior, ainda acrescenta que é fundamental a discussão com todos os atores envolvidos na construção do novo programa.

“É importante esse alinhamento porque é a partir daqui que já se pensa em qual vai ser o tratamento e a destinação de todo esse volume encontrado no aspecto do programa”, conta Cardoso.

A UGPE apresentou o projeto preliminar que está sendo estudado e construído pela concessionária. De acordo com o diretor executivo da Águas de Manaus, Diego Dal Magro, a discussão entre a concessionária e a gestão do Prosamim traz transparência e desenvolvimento para o novo programa.

“O intuito da operadora que vai operar esse sistema é participar do desenvolvimento, então nós estamos sempre disponíveis, participando e construindo essas soluções técnicas para melhor atender toda a região, que vai avançar com cobertura de esgoto, e isso traz o melhor indicador e resultados positivos para o município”, elucida o diretor executivo.

Alinhamentos entre a UGPE – A UGPE vem realizando uma série de alinhamentos com os principais órgãos e parceiros do programa, a fim de discutir os aspectos ambientais, de saneamento básico e demais diretrizes para a concepção de um novo programa nos moldes do Prosamim.

O coordenador executivo da UGPE, engenheiro civil Marcellus Campêlo, afirma que a gestão do governador Wilson Lima busca uma relação institucional com todas as partes envolvidas na execução, fiscalização e operação das obras e projetos do Prosamim.

“Esse alinhamento prévio com os órgãos e a concessionária de água do município oportuniza que tenhamos uma maior celeridade na aprovação do projeto, pois o mesmo não necessitará ser revisado, como também nos permite a construção de um novo programa dentro do que todos os partícipes aguardam”, afirmou Campêlo.

FOTO: Tiago Corrêa/UGPE

-publicidade-