Take a fresh look at your lifestyle.

Grupo envolvido em vários crimes em Manaus é preso na zona norte

-publicidade-

O 10° Distrito Integrado de Polícia (DIP), deflagrou, nesta terça-feira (16/02), por volta das 15h, ação policial que resultou na prisão em flagrante de Erik André Rebelo Dias, 20; João Pedro da Silva Avelino, 29; Mateus Pinheiro Alves, 32; Mateus Vasques da Costa, 18, e na morte de Denílson Paz Barroso, que tinha 19 anos, todos integrantes de um grupo envolvido em diversos crimes praticados na capital.

De acordo com o delegado Denis Pinho, titular do 10º DIP, a ação ocorreu nas proximidades da avenida Torquato Tapajós, bairro Colônia Santo Antônio, zona norte de Manaus.

Conforme Pinho, as investigações em torno do grupo iniciaram no dia 2 de fevereiro deste ano, após uma tentativa de homicídio no bairro Redenção, na qual os indivíduos tentavam tomar o controle de uma “boca de fumo” da região.

“Na ocasião, eles utilizaram um automóvel Ford Ka, que estava com a placa adulterada e com restrição de roubo, que originalmente pertencia a um veículo de marca Kwid, furtado no dia 25 de janeiro deste ano”, explicou o titular.

Segundo a autoridade policial, na tarde de terça-feira, a equipe de polícia recebeu informações, por meio de denúncia anônima, de que o veículo adulterado estaria nas redondezas do bairro Colônia Santo Antônio, e de imediato se deslocou até a região, onde avistou e realizou a abordagem dos indivíduos. Na ocasião, os infratores efetuaram disparos de arma de fogo contra os policiais, que se defenderam, o que resultou no alvejamento de Denílson, que veio a óbito no local.

Ainda com informações da autoridade policial, após a situação ser amenizada, foi dada voz de prisão aos indivíduos e apreendidos o carro adulterado e um revólver calibre 38 com numeração suprimida.

“Dentro do veículo utilizado pelos indivíduos foi encontrada a chave de outro veículo Ford Ka, que verificamos que havia sido roubado no domingo (14/02). A investigação em torno do grupo continuará em andamento para averiguarmos a possibilidade de haver mais integrantes”, finalizou Pinho.

Procedimentos – Os quatro infratores irão responder por associação criminosa, roubo majorado e adulteração de sinal identificador de veículo automotor. Após os procedimentos cabíveis, eles serão encaminhados para a Central de Recebimento e Triagem (CRT) e ficarão à disposição da Justiça.

FOTO: Alailson Santos/PC-AM

-publicidade-