GuardiAM recebe certificado de Honra ao Mérito do Rotary Clube de Manaus

O secretário Extraordinário de Estado, coronel da Polícia Militar Walter Cruz, apresentou, na tarde desta segunda-feira (15), o Programa GuardiAM 24 Horas aos integrantes do Rotary Club de Manaus, uma associação entre voluntários voltados para serviços da comunidade local sem fins lucrativos, filantrópicos e social. A reunião foi realizada em um hotel, no Distrito Industrial, zona sul de Manaus, e os presentes debateram sobre Segurança Pública.

O coronel foi convidado a palestrar sobre a missão do GuardiAM 24 Horas que foi criado para aprimorar o combate à criminalidade no Amazonas, reforçando ações de integração e de inteligência na área de Segurança Pública do Estado. A criação do GuardiAM 24 Horas ocorreu a partir da consultoria norte-americana da Giuliani Security e Safety (GSS), que foi contratada pelo Governo do Estado.

Entre os objetivos do programa está o estímulo à participação da sociedade civil organizada e de entidades privadas no desenvolvimento e implantação das políticas públicas. “Vamos querer contar com a presença e a participação do Rotary. Vai ser uma das entidades que nós vamos buscar para ser parceira nesse programa”, afirmou o coronel Walter Cruz. Ao fim da palestra, o Rotary Clube de Manaus entregou certificados de Honra ao Mérito ao coronel Walter Cruz.

A reunião desta segunda-feira foi a 16ª Reunião Ordinária do Rotary Club de Manaus e participaram, pelo menos, 20 pessoas. Entre os participantes estavam empresários que atuam no Distrito Industrial, zona sul da capital. “Tivemos a satisfação de ter a presença do coronel Walter Cruz falando do GuardiAM e do sistema de Segurança Pública do nosso Estado. Ele mostrou a seriedade do trabalho que está sendo feito”, afirmou o presidente 2018/2019 do Rotary Clube de Manaus, Fábio Rafael.

Integração – O GuardiAM 24 Horas atua com parcerias e interação entre órgãos, como as forças de segurança e entidades privadas. O programa também trabalha para ampliar a interação das forças de segurança: Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas, Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal.

A estratégia segue os eixos da Segurança Pública, Estabelecimentos Penitenciários e Fronteiras e Divisas. Com isso, as ações se tornarão mais efetivas em relação à investigação criminal, ao combate ao crime e o controle de crise.

FOTO: DIVULGAÇÃO