Haddad desembarca neste sábado em Manaus e faz caminhada no Centro da cidade

Ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT) é vice na chapa de Luiz Inácio Lula da Silva Foto: Fernando Bizerra Jr/EFE

O candidato à Presidência da República pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Fernando Haddad 13, faz sua primeira agenda de campanha em Manaus neste primeiro turno das Eleições 2018. Desembarca às 10h deste sábado (29) no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, onde será recebido por eleitores, apoiadores e correligionários, seguindo em carreata até a Praça da Polícia, no Centro da cidade. Em pouco tempo de campanha, Haddad só cresce nas intenções de votos dos brasileiros, estando em segundo lugar nas pesquisas. Demonstração de que a população o reconhece pelo importante trabalho feito como ministro da Educação e prefeito de São Paulo, onde foi premiado internacionalmente por sua gestão.

Haddad concederá uma coletiva de imprensa às 11h na Praça da Polícia, local em que também realizará comício para falar com a população. Em seguida, fará uma caminhada pelas ruas do Centro, passando pelas avenidas Sete de Setembro e Eduardo Ribeiro.

Membro do Diretório Nacional do PT, Florisvaldo Souza, que já está em Manaus para organizar a vinda do candidato petista, conta que a expectativa é muito grande para o encontro com os amazonenses, que sempre receberam tão bem os presidentes do Partido. “Haddad está num ritmo intenso pelo país, tem diferencial, tem serenidade e condições de fazer o Brasil voltar a ser feliz, como era na época de Lula e Dilma. Precisamos de uma grande mudança”, declara.

Para o presidente Estadual do PT, Sinésio Campos, a carreata e caminhada com Haddad é um momento de cidadania. Por isso, convida todas e todos de Manaus e dos municípios do Amazonas a participar as atividades deste sábado. “Vamos fazer uma bela recepção ao nosso professor Fernando Haddad. Vote pelo amor e contra o ódio”.

O deputado José Ricardo destaca que Haddad destinou os recursos para a construção do Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV) e ampliou de três para 16 Institutos Federais do Amazonas (IFAMs), principalmente, nos municípios do interior do Estado, além de apoiar o desenvolvimento da economia regional e a Zona Franca de Manaus (ZFM). “Estamos com Haddad 13. Se eleito, estaremos cobrando que ele faça um excelente trabalho para a população amazonense”.