As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

Hamilton Mourão defende investimentos para integrar Amazônia e fortalecer Zona Franca de Manaus

É prioridade do governo federal a integração da Amazônia ao restante do Brasil. A conclusão do asfaltamento da BR-319, a consolidação da hidrovia do rio Madeira, o fortalecimento do modelo Zona Franca de Manaus e o apoio ao desenvolvimento de novas matrizes econômicas no Amazonas são investimentos considerados fundamentais pelo atual governo.

A mensagem foi dada pelo vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, que palestrou a líderes políticos e empresariais nesta sexta-feira (29/03), no auditório da Federação das Indústrias (Fieam). Nas palavras do governador em exercício, Carlos Almeida, o atual governo tem demonstrado preocupação com a região e investir em infraestrutura e no fortalecimento do Polo Industrial de Manaus ampliará o horizonte de desenvolvimento do Estado.

“Nossa maior preocupação é com a integração. E para tanto, precisamos de infraestrutura. A BR-319 e a Zona Franca são fundamentais para o nosso Estado. Com infraestrutura, podemos induzir o desenvolvimento de novas matrizes econômicas, como é o caso da exploração do potássio, que estamos tratando com toda atenção”. Carlos Almeida defende que, enquanto são construídas as bases de uma nova economia, é necessário fortalecer a Zona Franca.

Amazônia estratégica – O general Hamilton Mourão destacou que o atual governo sabe da importância estratégica da Amazônia para o País, região que desperta cobiça cada vez maior com a escassez de matérias-primas no mundo. Para tanto, afirma, é preciso integrá-la, e um dos caminhos é a infraestrutura. Nesse sentido, disse que os ministérios e órgãos envolvidos no projeto de conclusão do asfaltamento da BR-319 estão alinhados com esse pensamento e não há porque não concluir a rodovia.

“O presidente Jair Bolsonaro é um estadista, não está pensando em eleição, está preocupado sim com o País. Nos últimos tempos, o País esteve de costas para a Amazônia e vamos inverter isso. Precisamos integrá-la, e isso se faz com infraestrutura; BR-319 e a hidrovia do Madeira são prioridades”, destacou o vice-presidente.

Defesa da Zona Franca – Na palestra, o general Mourão falou ainda sobre as reformas estruturantes que o País precisa implementar, como da Previdência, Trabalhista e a Tributária. E nesse aspecto, destacou que é preciso desonerar as empresas para o País voltar a crescer.

“Nesse caso, a Zona Franca é um caso a parte, e precisamos sim fortalecê-la e fazê-la produzir mais’’, disse ele a uma plateia que se mostrou satisfeita ao ouvir posicionamentos firmes do vice-presidente em defesa da Amazônia, de sua integração, e em defesa da Zona Franca.

Vigilância – Na avaliação do governador em exercício, Carlos Almeida, o posicionamento do general Mourão em defesa da região é conhecido, especialmente porque a compreende em profundamente, enquanto militar que atuou intensamente no próprio Amazonas. “Estamos construindo uma parceria importante com o governo federal. E além da nossa vigilância, em especial do governador Wilson Lima, temos uma bancada valorosa e atuante em Brasília”.

você pode gostar também