Ibope/CNI: Bolsonaro segue na liderança com 27% e Haddad mantém 21% das intenções de voto

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (26) mostra Jair Bolsonaro (PSL) liderando a corrida presidencial com 27% das intenções de voto. No estudo, encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), Fernando Haddad (PT) perdeu um ponto percentual em relação ao último levantamento e aparece com 21% da preferência dos eleitores. Ciro Gomes (PDT) registrou 12%.

Em seguida, aparecem Geraldo Alckmin (PSDB) com 8% das intenções de voto e Marina Silva (Rede), com 6%. Alvaro Dias (Podemos) e Henrique Meirelles (MDB) mantiveram 2% e Guilherme Boulos (PSOL), 1%. Brancos ou nulos representam 11% dos eleitores, não souberam ou não responderam, 7%.

Em eventual segundo turno, o líder das pesquisas Jair Bolsonaro (PSL) ganharia apenas de Marina Silva. No confronto com Fernando Haddad, o militar seria derrotado por quatro pontos percentuais: 42% a 38%. Geraldo Alckmin e Ciro Gomes receberiam mais de 40% dos votos, enquanto Bolsonaro teria 35% dos votos do eleitorado.

O Ibope aponta ainda que 28% dos brasileiros avaliam como alta ou muito alta a possibilidade de mudarem o voto para presidente da República até 7 de outubro. Por outro lado, 48% dos eleitores disseram que a chance de escolher outro candidato é baixa. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Os eleitores foram questionados também sobre o atual governo. 82% dos entrevistados classificou a passagem de Michel Temer pelo Planalto como péssima ou ruim. Esse percentual aponta o maior nível de rejeição alcançado pelo governo do emedebista.

A pesquisa Ibope/CNI ouviu 2 mil pessoas em 126 municípios, entre 22 e 24 de setembro.

Reportagem, Clara Sasse

#Eleições2018