A unidade do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) de Maués (a 275 quilômetros de Manaus em linha reta) está com uma programação de visitas técnicas as comunidades rurais do município. O objetivo é fazer o processo de georreferenciamento das propriedades rurais para a implantação dos programas Pró-mecanização e Pró-calcário.

Segundo o engenheiro agrônomo do Idam em Maués, Sérgio Marçal, as comunidades Novo Alvorecer e Araçatuba, na localidade do Limão, foram visitadas e foi realizado o processo de georreferenciamento. A ação aconteceu na última terça-feira (21/05). Ontem (22/05), a visita foi nas comunidades Lago do Moura e São Pedro, no Paraná do Urariá de Cima, que também passaram pelo processo.

Sérgio explica que, durante a ação, a unidade local do Idam tem prestado ainda os demais serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) aos produtores rurais e agricultores familiares.

Parceria – Na semana passada, o Idam em Maués e a Fundação Amazonas Sustentável (FAS) visitaram as comunidades Nova Jerusalém, Acãéra, Santo Antônio do Mucajá, Vila Darcy, Vila Maringá e Monte Sinai, localizadas às margens do rio Parauari.

Durante a ação foram realizadas reuniões que abordaram temas como o crédito rural, a importância da Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) e do Cartão de Produtor Primário (CPP) para o agricultor familiar. Na ação, foram emitidos 178 DAPs e 178 CPPs, segundo o gerente.

FOTO: DIVULGAÇÃO/IDAM