As Principais Notícias do Estado do Amazonas estão aqui!

“Internet das Coisas” – UEA, Seduc-AM e Samsung lançam programa para professores

‘Code Iot na escola’ pretende capacitar 400 professores da rede pública estadual

Oferecer ferramentas para que alunos e professores utilizem a tecnologia de forma criativa em sala de aula. Esse é um dos principais objetivos do programa “Code IoT”, lançado, nesta sexta-feira (14/06), pela empresa Samsung em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino do Amazonas (Seduc-AM) e a Universidade do Estado do Amazonas (UEA). O programa foi desenvolvido em uma plataforma digital pelo Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC) da UEA com apoio da Samsung Ocean e será disponibilizado para 400 professores da rede estadual a partir de agosto, em um curso presencial.

A plataforma do “Code IoT” foi desenvolvida para oferecer ferramentas simples para contribuir no processo de transformação e melhoria do ensino tendo como base a tecnologia. Segundo Isabel Costa, da Samsung, a parceria por meio do programa é uma oportunidade de oferecer novas oportunidades de aprendizagem dentro do conceito de Internet das Coisas.

“O programa IoT, de Internet das Coisas [em inglês], foi pensado para que estudantes e educadores possam acessar de forma simples os conceitos ligados ao uso da tecnologia. E nós, da Samsung, ficamos muito felizes em poder levar isso para os estudantes de Manaus, um polo importantíssimo de tecnologia a nível internacional”, afirmou Isabel.

Para o titular da Seduc-AM, Luiz Castro, a formação para os professores representa também uma oportunidade de incentivar os alunos no desenvolvimento de competências profissionais.

“Precisamos avançar para uma educação que prepare os jovens para o mercado de trabalho, que desperte neles o potencial de criar soluções para o Brasil. Esse é o desafio da educação e a parceria com a Samsung pelo ‘Code IoT’ que, com certeza, vem oferecer grandes oportunidades nessa direção”, afirmou Castro.

Segundo o vice-reitor da UEA, Cleto Leal, o curso sobre IoT visa, principalmente, sensibilizar os docentes sobre o uso de tecnologia em sala de aula.

“A tecnologia está no DNA da nossa região e a própria história da UEA mostra isso. Esse curso vem despertar essas competências nos professores para que as ferramentas de tecnologia sejam usadas de forma ativa em sala de aula”, afirmou.

Realizado na Samsung Ocean, em Manaus, o evento de lançamento contou com a presença da Gerente de Cidadania da Samsung Brasil, Isabel Costa, do secretário da Seduc-AM, Luiz Castro, do vice-reitor da UEA, Cleto Leal, do coordenador da Samsung Ocean, Silvio Marques e da professora Roseli Lopes, da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), parceira do projeto, entre outras autoridades. Além dos representantes das instituições, o lançamento contou ainda com mais de 50 gestores e coordenadores escolares, responsáveis por disseminar o curso e as outras formações que serão disponibilizadas online para os professores.

Internet das Coisas – No encerramento do evento, a professora Roseli Silva, livre-docente da Escola Politécnica da USP, explanou sobre o conceito por trás do curso. Ela explicou sobre o uso da tecnologia para resolver desafios do dia a dia e reforçou a importância dos professores em desenvolver uma nova relação com a tecnologia. Apontou, ainda, o papel ativo dos docentes no incentivo à criatividades dos alunos por meio de novas ferramentas.

“Nada nos deixa mais felizes, enquanto professores, do que ver nossos alunos sendo protagonistas de novas ideias. Nosso objetivo com a formação é oferecer meios para que eles possam seguir incentivando os alunos em soluções criativas por meio da tecnologia”, concluiu.

O curso – O “Code Iot na escola” é uma formação inicial em Internet das Coisas oferecida gratuitamente para professores da rede pública. Ao todo, serão 400 vagas para docentes do Estado, com foco no Ensino Médio, em um curso de quatro dias que inicia em agosto no espaço do Ocean, na Escola Superior de Tecnologia (EST) da UEA. As inscrições serão divulgadas em breve.

FOTO: Joelma SanMelo / UEA

você pode gostar também