Com a vitória do Iranduba por 2 a 1 sobre o Flor de Pátria (Venezuela) e muito boi-bumbá para recepcionar as equipes da Copa na cerimônia de abertura, foi dada a largada para corrida pelo título da Copa Libertadores de Futebol Feminino 2018. As partidas tiveram início na noite deste domingo (18/11), na Arena da Amazônia, localizado na avenida Constantino Nery, bairro de Flores, zona centro- sul de Manaus. O primeiro jogo, entre UAI Urquiza (Argentina) e Cerro Porteño (Paraguai) acabou empatado em 1 a 1.

A competição é organizado pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) e pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), com o apoio do Governo Amazonino Mendes, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) e recebeu nesta rodada dupla de abertura, mais de três mil pessoas. Ao som da Orquestra de Violões, regida pelo maestro Davi Nunes, a cantora amazonense Ketlen Nascimento foi quem entoou o Hino Nacional Brasileiro, que deu início ao segundo duelo com as donas da casa.

A vitória que deixou o Hulk na liderança do grupo C, após o empate de 1×1 entre o Cerro Porteño e UAI Urquiza, começou ainda no primeiro tempo, quando Djeni sofreu falta na entrada na grande área e a camisa 10, Andressinha, cobrou fazendo o primeira gol da partida e o seu quinto gol com a camisa do Iranduba. Aos seis minutos do segundo tempo, mantendo a ofensividade do duelo, Ludmila avançou pela direita, chegou na pequena área e bateu, sacramentando a vitória das donas da casa em sua estreia. O Flor de Pátria ainda fez um gol com Joemar Guarecuco, de cabeça, e fechou a partida em 2 a 1.

De acordo com o técnico do Iranduba, Igor Cearense, a Libertadores é uma competição importante e ansiedade é algo normal, porém, vencer é fundamental. “A ansiedade é normal demais. É uma Libertadores! Nós criamos muitas situações de gols, mas precisamos melhorar, para que o rendimento cresce cada vez mais dentro da competição. Temos um grupo muito forte e numa Copa dessa, curta, vencer é o objetivo. Nós faremos grandes jogos e a vitória de hoje, logo no início da disputa, é algo excelente”, destacou.

Autora do primeiro gol, Andressinha comentou a atuação do elenco deste primeiro dia de competição, mas ressaltou que alguns pontos serão melhor trabalhados ao longo da competição. Contente com o resultado, a jogadora aproveitou para convidar a torcida para comparecer aos jogos. “Estou feliz por ter feito um gol e por ter ajudado o Iranduba de alguma forma. Alcançamos algumas oportunidades de gols e não concluímos, mas iremos melhorar e estamos felizes com a vitória. Hoje a Arena recebeu um bom número de torcedores, que é típico daqui. Eles comparecem e nos apoiam. Teremos vários jogos e aproveito para convidá-los a vir torcer e trazer a sua força na próxima partida”, disse.

Com os três pontos conquistados neste domingo (18/11), o Iranduba da Amazônia, segue líder do grupo C e pega o Cerro Porteño, nesta quarta-feira (21/11), a partir das 20h30, na Arena da Amazônia, o palco da Libertadores 2018.

UAI Urquiza x Cerro Porteño – A disputa entre o Cerro Porteño e UAI Urquiza acabou num empate de 1×1. Quem abriu o marcador foram as argentinas, aos 15 minutos do segundo tempo. Criando mais oportunidades, as paraguaias buscaram bastante o gol para igualar a partida e permaneceram pressionando o UAI Urquiza, até que a camisa 7, Belen Potassa, driblando pela direita, acertou o chute e deixou tudo igual na Arena da Amazônia.

Visibilidade – O secretário da Sejel, Manoel Almeida, falou sobre a importância da competição e como ela posiciona o Amazonas diante do mundo. “Desde o início o Governo do Amazonas apoiou a Libertadores, pois entendemos que, além do reconhecimento e valorização da equipe feminina de futebol do Estado, neste caso representada pelo Iranduba, a competição é também uma oportunidade de divulgar nossa cultura e mostrar aquilo que é a Amazônia e o que é Manaus para o resto do mundo. Hoje, a competição está sendo transmitida pela TV, rádio e nos portais da CBF. É uma oportunidade única para o nosso Estado”, finalizou.

Ingressos – Com valores de R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia), os ingressos podem ser adquiridos nos seguintes pontos de venda:

1. Bilheteria Arena da Amazônia – Portão D – Rua Flaviano Limongi, bairro Flores. Horário de Funcionamento: De segunda à domingo, das 10h às 18h. Forma de Pagamento: Dinheiro, Cartões de Débito (Visa Electron e Maestro) e Cartões de Crédito (Mastercard e Visa); Em dias de jogos, esta bilheteria estenderá a venda de ingressos até às 21h.

2. Estádio Ismael Benigno (Colina) – Rua Presidente Dutra, 183, bairro São Raimundo. Horário de Funcionamento: De segunda à domingo, das 10h às 18h. Forma de Pagamento: Dinheiro, Cartões de Débito (Visa Electron e Maestro) e Cartões de Crédito (Mastercard e Visa);

3. Estádio Municipal Carlos Zamith – Alameda Cosme Ferreira, bairro Aleixo. Horário de Funcionamento: De segunda à domingo, das 10h às 18h. Forma de Pagamento: Dinheiro, Cartões de Débito (Visa Electron e Maestro) e Cartões de Crédito (Mastercard e Visa).

FOTO: TÁCIO MELO/SEJEL

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here