A competição é realizada pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esportes e Lazer, em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade de Ensino (Seduc)

Com grande espírito esportivo e apresentação de fanfarra, foram abertas as eliminatórias do Poo IV dos Jogos Escolares do Amazonas (JEAs), na noite desta quarta-feira (22/5), no Ginásio da Escola Estadual Prefeito Alexandre Montoril (GM3), localizado no município de Coari, a 363 quilômetros de Manaus.

A competição, que é realizada pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esportes e Lazer (Sejel), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade de Ensino (Seduc), teve a participação, além da sede, das cidades de Tefé, Codajás, Alvarães e Uarini.

Para o titular da Sejel, Caio André de Oliveira, que tem participado da abertura de todos os Polos, é uma grande emoção ver o esforço de todas as cidades para fazerem parte dos jogos.

“Eu fico emocionado por ver esses jovens atletas trilhando um excelente caminho, que é o do esporte. Meus parabéns à prefeitura de Coari, que fez de tudo para receber o JEAs, e aos professores pela dedicação de sempre. O JEAs é um momento onde pessoas de vários lugares se encontram e buscam um mesmo ideal. Que todos os participantes possam competir e se divertir nesta grande festa do esporte”, ressaltou.

Como representante do prefeito de Coari, Adail Filho, estava a secretária de Desenvolvimento Social do município, Marilza Ramos, que destacou o trabalho dos professores envolvidos e deu uma calorosa recepção aos atletas visitantes.

“Quero desejar boas-vindas aos nossos municípios vizinhos e deixar meus agradecimentos, em nome do prefeito, a vocês, queridos professores, por nos dar essa beleza de competição, que estava sendo aguardada com muita expectativa por todos”, afirmou.

Descobrir de talentos – Fonte de descoberta de muitos talentos, o JEAs é uma competição que sempre revelou grandes atletas, que sonham, um dia, poder viver do esporte. Uma delas é a jogadora de futsal, Alessandra Martins, de 17 anos, que está no 2º ano do Ensino Médio, da Escola Estadual Edson Melo, em Uarini, município distante 570 quilômetros da capital. A estudante falou que está confiante e preparada para dar o seu melhor.

“É a primeira vez que participo do JEAs e estou muito feliz de estar aqui. Sempre sonhei competir em algo grande, e, hoje, isso está sendo possível. Espero poder colher frutos maiores com esse esporte que adoro”, destacou ela, que afirmou estar preparada para a competição. “A equipe se preparou bastante e agora é a hora de mostrar nossa força. Acredito no potencial do time e sei que vamos ter um bom resultado”, garantiu.

Destaque – Um dos destaques do JEAs em 2018 foi a equipe de basquetebol 3×3, da Escola Estadual Deputado Armando de Souza Mendes, do município de Tefé, a 575 quilômetros as capital. O time, que foi vice-campeão no ano passado, já está com vaga garantida para a final estadual dos jogos, pois não houve nenhuma outra inscrição do Polo IV para que houvesse disputa. De acordo com o técnico do grupo, Renato Almeida, os garotos irão surpreender ainda mais em 2019.

“A equipe deixou muita gente de ‘queixo caído’ no JEAs 2018. Era a primeira vez na competição e alguns atletas nunca haviam nem saído de Tefé. Tudo era novo. Mesmo diante de tantas coisas distintas para eles, o time foi lá e venceu equipes de grandes instituições particulares de ensino, que já tem experiência no meio. Treinamos muito, estamos bem melhores, esse ano, nossa meta é subir no mais alto lugar do pódio e, claro, garantir a vaga para a etapa nacional”, finalizou.

FOTO: MAURO NETO / SEJEL