Com apenas 18 anos e há 6 no esporte, Mário Neto, conseguiu um título inédito para o Amazonas, sagrou-se campeão Brasileiro de Tiro Prático, na divisão STANDARD/OVERALL, que é a categoria mais disputada e com maior índice técnico do país, com a participação de cerca de 226 atletas de todo o Brasil. A conquista aconteceu na cidade de Anápolis/GO no último dia 17 de novembro. O campeonato é composto por 6 etapas, das quais, o atleta amazonense ganhou 4, inclusive a última com peso 2, levando a conquista antecipada do título Brasileiro.

O esporte ainda enfrenta dificuldades de apoio e preconceito por envolver armas de fogo, a espera por todas as licenças necessárias dura em média 1 ano, até o atleta receber seu armamento. Hoje para a aquisição uma pistola por exemplo, o competidor é submetido a exames psicológicos e testes práticos, além de enfrentar uma severa burocracia imposta pelo Exército Brasileiro, órgão responsável pelo controle de armamentos para atiradores desportivos.

O custo alto dos armamentos e munições ainda é uma barreira para o desenvolvimento do esporte. Para uma preparação de uma competição nacional o atleta chega a fazer mais de 15 mil disparos nos treinos. Em países onde existe apoio a diferença é grande, os atletas fazem cerca de 100 mil disparos antes das competições. O Brasil é considerado o terceiro país no ranking do tiro esportivo, perdendo apenas para os Estados Unidos e o Canadá.

CARREIRA

O atleta manauara compete desde os 10 anos por influência do pai, que o levava para competições de ar comprimido e tiro de precisão com arma de pressão, onde obteve destaque rapidamente. Aos 12 anos, Neto iniciou na categoria adulto, mediante alvará judicial e continuou a se destacar, obtendo excelentes resultados inclusive com projeção nacional.

Para Mario Neto, o tiro prático exige certas qualidades que ele possui, “O tiro prático é um esporte que exige muita concentração, velocidade e serenidade, algumas qualidades que eu sempre tive”.

Em 2017, Neto conseguiu ficar em 3º lugar na divisão STANDARD, competição disputada na França na cidade Châteauroux, distante 300 km da capital Paris. Esse título abriu os horizontes do atleta para uma possível projeção internacional.

Além deste título o amazonense ainda é detentor de vários campeonatos, conforme abaixo:

* CAMPEÃO BRASILEIRO 2018 DE TIRO PRÁTICO DIVISÃO STANDARD – OVERALL

* BICAMPEÃO BRASILEIRO 2018 DE TIRO PRÁTICO DIVISÃO STANDARD – CLASSE MASTER

* 3° LUGAR MUNDIAL DE TIRO PRÁTICO 2017 DIVISÃO STANDARD – CATEGORIA JUNIOR

* BICAMPEÃO BRASILEIRO 2016/17 DE TIRO PRÁTICO DIVISÃO STANDARD – CATEGORIA JUNIOR

* CAMPEÃO BRASILEIRO 2017 CLC E VICE CAMPEÃO DE SAQUE RAPIDO – ON LINE

* CAMPEÃO PANAMERICANO 2015 DE TIRO PRÁTICO DIVISÃO STANDARD – CATEGORIA JUNIOR

* CAMPEÃO BRASILEIRO 2013 DE TIRO PRÁTICO DIVISÃO LIGHT – CATEGORIA JUNIOR

* TRICAMPEÃO AMAZONENSE DE TIRO PRÁTICO DIVISÃO STANDARD – OVERALL

Para as disputas nacionais os custos são altos com passagens e munição para o treino. Hoje existem poucas empresas dispostas a patrocinar os competidores, tornando uma batalha diária a prática do esporte.

PROJEÇÕES PARA 2019

Para o próximo ano, o atleta pretende ir em busca do bicampeonato nacional onde inicia a preparação em janeiro. Ainda na mira de Neto, está mais uma prova internacional que é o Florida Open, sendo sua segunda participação fora do país e primeira nos Estados Unidos, no estado da Florida, que acontece em fevereiro. Com essa competição o manauara busca uma projeção internacional e pretende disputar mais competições de alto nível.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here