Take a fresh look at your lifestyle.

Líder do DEM pede informações sobre medidas para reduzir gastos aos ministros da Casa Civil e do Planejamento

-publicidade-

O líder do Democratas na Câmara, deputado Pauderney Avelino (AM), encaminhou requerimento de informações aos ministros da Casa Civil, Jaques Wagner; e do Orçamento, Planejamento e Gestão, Valdir Simão, cobrando explicações sobre as medidas administrativas para reduzir os gastos do governo federal. O “pacote” foi anunciado em outubro.

“A previsão do governo era economizar R$ 200 milhões com esses cortes. Todavia, passados quatro meses do anúncio, a promessa está distante de ser integralmente cumprida. Conforme amplamente divulgado pela imprensa, o montante alcançado até agora foi de apenas R$ 16,1 milhões”, disse o líder.

Para ele, muito do fracasso da reforma administrativa se deve ao verdadeiro balcão de negócios montado pelo governo petista para composição da Esplanada dos Ministérios e dos cargos de segundo e terceiro escalões. Os cortes geraram insatisfação e a propagada diminuição de ministérios e secretarias foi menor do que a esperada.

Para dimensionar o tamanho da reforma administrativa, o líder do Democratas pediu aos ministros informações sobre o número de cargos efetivamente extintos após o anúncio do corte, além de dados sobre o valor economizado após o anúncio das medidas administrativas.

-publicidade-