Live Parintins 2021: Caprichoso injeta R$ 700 mil na economia

Mais de 400 colaboradores foram contemplados pela remuneração feita pela presidência, sem comprometer o orçamento do próximo festival. Jender e Karu reduziram dívidas e anunciaram o inicio dos trabalhos do projeto boi de arena 2022

Os êxitos de dois anos de gestão administrativa do Boi-Bumbá Caprichoso foram divulgados à nação azul e branca, em coletiva de imprensa realizada no curral Zeca Xibelão na manhã desta sexta-feira, 09 de julho. O presidente Jender Lobato e o vice-presidente Karú Carvalho, acompanhados pela presidente do Conselho Fiscal, Juciele Cursino, apresentaram balanço das atividades da associação cultural desde o início da administração em setembro de 2019, após aclamação da diretoria executiva, com aliança inédita de duas chapas concorrentes pela união histórica do bumbá.

Sem a realização do Festival Folclórico de Parintins, nos anos de 2020 e 2021, com a ausência de entrada de recursos oriundos de patrocinadores do evento, a presidência conseguiu honrar compromissos administrativos para a preservação de patrimônios do Boi Caprichoso, ameaçados de serem leiloados por conta de pendências na Justiça do Trabalho. Esse trabalho só foi possível em virtude da criação de um comitê de crise , montado pelo presidente Jender Lobato, logo após assumir a gestão do boi, para levantar todos os débitos pendentes do bumbá.

Redução de dívidas

Em seguida, o dirigente azulado começou a executar ação de negociação, realizou a redução de dívidas e pagou quase R$ 1,5 milhão em débitos do Boi Caprichoso até a paralisação das atividades artístico-técnicas, devido à pandemia da Covid-19 em março de 2020.

Novos caminhos foram buscados pela diretoria, para soluções dos problemas financeiros vivenciados, diante da falta de receitas. “Conseguimos evitar quatro leilões e não deixamos perder o nosso curral. Temos harmonia com todos os setores do boi e conversamos com muita franqueza com nossos artistas, sempre com objetivo de mostrar a realidade e também apontar as soluções”, evidencia Jender Lobato.

Os êxitos jurídicos, que consistiram na exclusão de dívidas do bumbá, são consequências da atuação dos advogados do Escritório Lira Góes que defende o Boi Caprichoso de forma voluntária. Quando a pandemia chegou em março de 2020, a reforma do curral Zeca Xibelão, que havia sido iniciada para entrega no lançamento do álbum “Terra: Nosso Corpo, Nosso Espírito”, teve interrupção, em virtude das restrições das autoridades de saúde.

“Nós almejamos o nosso boi campeão e vamos colher o fruto do nosso trabalho. Com o avanço da vacinação, começa um novo ciclo, na esperança do título do próximo festival de Parintins, se Deus quiser em 2022. Eu idealizei ser presidente do boi desde criança, agora temos pela frente muito trabalho a fazer, e iremos fazer com responsabilidade, com pagamento de nossos colaboradores em dia, conforme planejamos”, assegurou o dirigente.

Live Parintins 2021

Jender Lobato agradeceu ao Governo do Amazonas, em nome do governador Wilson Lima, Secretaria de Estado da Cultura e Economia Criativa, representada pelo secretário Marcos Apolo Muniz, Deputado Saullo Vianna, Movimento Maruajada por meio do presidente Beto Vital e prefeito de Parintins, Bi Garcia, pela ajuda ao Boi Caprichoso a promover a Live Parintins 2021.

Os incentivos dos representantes do poder público estadual empenhados com a administração municipal resultaram na remuneração de 418 colaboradores do Boi Caprichoso que trabalharam de forma direta na Live Parintins 2021 promovida na arena do Bumbódromo, em substituição à realização da disputa do festival folclórico, na qual o bumbá consagrou-se bicampeão em avaliação da opinião pública pela apresentação artística e número de audiência.

As gratificações, que somaram uma aplicação de recursos aproximadamente R$ 700 mil, atingiram setores como a produção, paikicés (empurradores de alegorias), artistas, ajudantes, artistas figurinos e seguranças, por exemplo. Primeira vez na história de um bumbá de Parintins, os integrantes dos itens coletivos: Marujada de Guerra, grupos de dança Troup Caprichoso e Corpo de Dança Caprichoso (CDC), coreógrafos, vaqueirada e tuxauas também receberam remuneração em reconhecimento à doação e ao esforço de cada componente dedicado no espetáculo de arena. Os artistas que não estiveram na live, para evitar aglomerações, mas que ficaram de sobreaviso também foram remunerados.

Jender Lobato explicou que atua na presidência do Boi Caprichoso com três vertentes: resolver os débitos, pagar os artistas em dia e fazer o boi campeão. “Está no nosso sangue, nós que somos da Francesa, assumimos o boi em um momento crítico e tivemos tranquilidade para administrar o Boi Caprichoso, mesmo em momento de crise sanitária mundial. Nosso planejamento é fielmente cumprido. Estamos aqui para cuidar de pessoas e do povo azul. Não criamos dívidas para o Boi Caprichoso, não devemos um fornecedor e toda a obra do curral foi paga”, ressaltou.

Somente o patrocínio do Governo do Amazonas permitiu a remuneração de 418 pessoas e o movimento da economia de Parintins em diversas áreas de serviços, com a geração de renda indiretamente às famílias no período da live. Jender Lobato manifestou gratidão ao governador do Amazonas, Wilson Lima, pela atenção e sensibilidade à mão de obra do Boi Caprichoso. A Live Parintins 2021 foi realizada na arena do Bumbódromo, com elenco reduzido todo testado e dentro das orientações sanitárias.

Solidariedade

O presidente também detalhou que o Boi Caprichoso entregou mais de 30 toneladas de alimentos aos colaboradores do bumbá desde 2020, às famílias no Beco Submarino, no bairro da Francesa, no Dia dos Mães em 2021, doação de brinquedos às crianças na comunidade Santa Terezinha do Aninga. Trabalhos estes que terão continuidade no decorrer da gestão, além de máscaras e luvas cirúrgicas ao Hospital Padre Colombo, assim como cestas básicas no abrigo municipal. O dirigente revelou que a obra do curral Zeca Xibelão teve a contribuição financeira de sócios e parceiros, executada por artistas plásticos atingidos pela pandemia da Covid-19, em projeto concebido pelo arquiteto Augusto Rubens Filho.

Novo ciclo

Jender Lobato anunciou o início dos trabalhos do Conselho de Arte em preparação ao Festival Folclórico de Parintins 2022 e a esperança de realizar o aniversário do Boi Caprichoso no dia 20 de outubro, com a presença de público, com a flexibilização das medidas de contenção da Covid-19, com a vacinação total de toda a população de Parintins com a primeira e segunda dose. “Estamos com saudade de ouvir a Marujada de Guerra completa tocando e nosso galpão cheio de artistas. A nação azul e branca pode esperar um boi cheio de orgulho. Estamos dispostos a fazer tudo de melhor pelo Caprichoso”, declara.

Foto: Pedro Coelho e Gerlean Brasil