25.3 C
Manaus
quarta-feira, dezembro 6, 2023

Livro “Estrelas de um Centenário”, de Odinéa Andrade, é lançado com festa em Parintins

A memória e as histórias da escritora, folclorista e madrinha do Boi Caprichoso, Odinéa Andrade, fazem parte do livro “Estrelas de um Centenário”, lançado neste sábado, dia 17, no curral Zeca Xibelão. É uma narrativa do processo histórico do bumbá e percepção e observação da própria autora e de muitas pessoas que construíram o boi em Parintins.

Odinéa foi a primeira pessoa a produzir um trabalho acadêmico sobre o Boi-Bumbá. O presidente do Caprichoso, Jender Lobato, parabenizou o trabalho de dona Odinéa e reconheceu a importância da escritora para a história do bumbá. “Nós estamos aqui para contar a história, para eternizar na memória, a história que a senhora escreveu anos atrás ao longo de cada nova temporada. A senhora faz parte da história do Caprichoso”, reconheceu Jender.

O presidente do Conselho de Arte, Erick Nakanome, parabenizou a autora pela obra e pela importância que tem para o Festival de Parintins. “Muitas histórias nos chegam por meio da memória da dona Odinéa. A pessoa que eu levo para a arena todos os anos é a dona Odinéa e eu tenho certeza que os momentos de oração que ela faz na arena são importantes para os nossos títulos”, destacou.

“O livro da Odinéa é nossa ambição maior, porque existe um registro memorial dessa história e esse registro precisa ser valorizado como justiça histórica com o boi e com a nossa própria história”, declarou o diretor do Centro de Documentação e Memória do Caprichoso (CEDEM), professor Diego Omar Silveira.

Dona Odinéa se mostrou bastante emocionada e feliz pela concretização desse trabalho. Ela foi ovacionada pela presidência, artistas, sócios e todo o Povo Caprichoso. “O livro é sobre o nosso folclore, sobre o nosso boi Caprichoso. Eu faço parte da história e da memória de um povo que brinca de boi, que dança, canta e ama a cultura popular”, disse a autora.

A obra

O livro foi escrito entre os anos 2012 e 2013 e, após 10 anos, ganha a publicação necessária para manter viva as histórias que dão vida ao boi de Parintins. Ele é fruto de uma parceria entre Boi Caprichoso, editora Autografia (Rio de Janeiro) e a editora UEA com apoio do Governo do Estado do Amazonas.

Estrelas de um Centenário faz parte da coleção “Bumbás de Parintins – Nosso Patrimônio”, com edição do diretor do CEDEM, Diego Omar Silveira.

São três partes que formam o livro. Na primeira há uma contextualização da brincadeira, destacando sua origem e primeiras festas. A segunda parte relata documentos e memória que contam a construção dos bois através de pessoas que firmaram a brincadeira na cidade. O livro finaliza com o capítulo “Memórias de uma Constelação”, que traz relatos da aurora, auxiliados por depoimentos de brincantes, ex-itens e ex-dirigentes.

O livro custa R$80,00 e em breve estará disponível em Parintins no Cedem Caprichoso, loja Vitrine Azul e loja Q-Boi e, em Manaus, na Banca do Largo.

Fotos: Michel Amazonas

spot_img