Mãe de Paulo Gustavo chama Bolsonaro de ‘idiota’ por debochar da Covid-19

O Brasil ultrapassou a marca de 500 mil mortes no sábado (19). Paulo Gustavo morreu em maio, vítima do novo coronavírus

Por (FOLHAPRESS)

Déa Lúcia Amaral, mãe do ator e humorista Paulo Gustavo, chamou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de “idiota” em publicação numa rede social nesta terça (22).

Déa Lúcia compartilhou uma imagem de Bolsonaro com uma tabela com número de mortes por Covid-19 de alguns países e suas respectivas populações. “E esse idiota debochando da COVID Agredindo a jornalista e falando palavrão. #forabolsonaro”, escreveu na legenda.

O Brasil ultrapassou a marca de 500 mil mortes no sábado (19). Paulo Gustavo morreu em maio, vítima do novo coronavírus.

No começo de junho, em outra publicação nas redes sociais, Déa Lúcia comparou a “assassino” quem desobriga o uso de máscara. Na ocasião, o presidente Bolsonaro afirmou que o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, preparava parecer para desobrigar vacinado e quem já se infectou de usar máscara.

Deá Lúcia compartilhou tuíte da professora da USP Deisy Ventura que dizia: “Um aviso. Quem disse a você para deixar de usar a máscara durante uma pandemia descontrolada é um assassino. Saia de perto, corte relações. Não presta”. E escreveu na legenda: “Eu assino embaixo. Usem máscara amigos”.

A mãe do humorista não é a única da família que critica Bolsonaro. A produtora Juliana Amaral, irmã do ator, publicou uma carta ao presidente recusando suas condolências. “Nunca mais ponha na sua boca o nome do meu irmão”, afirmou ela no texto, publicado no fim de maio.

“Essa boca que disse não à vacina e condenou tantos à morte, essa mesma boca que debochou imitando pessoas com falta de ar, pessoas que viveram o horror que meu irmão viveu, não pode ser usada para pronunciar o nome dele nem lamentar a morte de todos os vitimados pela Covid”, continuou.

Ela também afirmou que soube das condolências enviadas por Bolsonaro após a morte do ator, mas que só naquele momento conseguiu responder: “Espero que o senhor não despeje sobre minha família os seus mais sinceros sentimentos, pois eu não os aceito”, disse.

Foto: Reprodução

Fonte: Notícias ao Minuto Brasil