Manaus 16.04.19. O ficina de ovo de páscoa e doces finos Cozinha comunitaria Val para izo; Foto Marinho Ramos Semcom.

A Prefeitura de Manaus ofereceu o curso de brigadeiro e doces finos, nesta terça-feira 16/4, na Cozinha Comunitária do bairro Val Paraíso, zona Leste. A capacitação é coordenada pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc). O objetivo é proporcionar oportunidade de renda e desenvolvimento para as famílias que estão em situação de vulnerabilidade social e econômica.

Ovos, brigadeiro e trufas com variados recheios foram ensinados desde a preparação, até o processo final de armazenamento das guloseimas.

“Esses espaços de segurança alimentar e nutricional da prefeitura, além de servirem refeições diariamente, também tem um cuidado com a proteção social das famílias. Nas cozinhas há todo um acompanhamento pedagógico, social e alimentar, que é realizado diariamente, além do incentivo a comunidade para o desenvolvimento profissional, por meio das capacitações oferecidas”, frisou a secretária da Semasc, Conceição Sampaio.

A Cozinha Comunitária conta com uma equipe multiprofissional que, além do cuidado com a alimentação balanceada, realiza o resgate da cidadania, fazendo visitas e acompanhando o dia a dia da comunidade.

A dona de casa Sandra Maria, de 58 anos, criou o próprio negócio no ramo de doces, participando dos cursos de capacitação da Cozinha Comunitária do Val Paraíso. “É uma porta que se abre para todos nós, eu me aperfeiçoei muito com os cursos, hoje eu trabalho vendendo trufas, que são minha fonte de renda”, disse a empreendedora.

Almoço

Após o curso, os alunos aproveitaram o almoço, que é servido de segunda a sexta-feira, a partir das 11h. O cardápio foi uma deliciosa sopa de legumes com carne.

Frequentadora da Cozinha Comunitária do Val Paraíso, há sete anos, de acordo com Diana Kelleny, 36 anos, as refeições melhoram a sua qualidade de vida.

“Eu estou desempregada, mas a cozinha permite que eu e meus filhos tenhamos uma alimentação bem preparada. É muito importante para mim que ela esteja aqui”, relatou Diana Kelleny.

Doações

Quem deseja contribuir com o projeto de segurança alimentar e nutricional do município, pode entrar em contato pelos números 98842-1193 e 98842-2932.