Manaus registra por dia, 23 ocorrências de violência contra população idosa

Manaus registrou, até maio deste ano, 3.568 ocorrências envolvendo violência contra idosos. Por dia, a média é de 23 ocorrências criminais contra o público da terceira idade, conforme dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). A delegada Andréa Nascimento, titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Idoso (DECCI), ressalta a importância da população fazer denúncias contra qualquer tipo de violência física e psicológica.

“Além da violência física, existem outros tipos de agressão, como a psicológica, então é necessário que a denúncia seja feita em qualquer caso de crime praticado contra o idoso. Por exemplo, o crime psicológico é aquele contra a honra, a própria discriminação ao idoso, que são aqueles atos que os colocam em situação de humilhação e menosprezo”, disse a delegada.

O mês de junho é dedicado ao combate à violência contra a terceira idade. Por isso, dezenas de ações de mobilização estão ocorrendo. A delegada ressalta que, com o trabalho de conscientização, os idosos ficam motivados a buscar seus direitos.

“Algumas situações são mais complicadas de se denunciar porque envolvem vínculo familiar. Mas o que nós observamos é que, trabalhando a conscientização, os idosos entendem os seus direitos, passam a denunciar mais e a buscar os seus direitos na delegacia”, explicou a delegada do Idoso.

Assistência jurídica – A terceira idade pode contar com a assistência jurídica da Defensoria Pública do Amazonas. O defensor público Ali de Oliveira explica que, entre os principais direitos voltados a esse segmento, está a proteção do idoso, como forma de assegurar a saúde física e mental, para que viva com dignidade.

“A Defensoria Pública atua firmemente nessa área, tanto orientando as famílias como ingressando com medidas judiciais para o afastamento do agressor no lar, para impedir que ele tenha contato com o idoso. Pedimos para a população em geral que denuncie qualquer tipo de abuso, ameaça, violência psicológica, violência física contra os idosos”, enfatizou.

Denúncias – A orientação aos idosos e familiares é denunciar qualquer caso suspeito. Os relatos podem ser feitos através do Disque 100, o telefone 181, disque-denúncia da SSP-AM, ou ainda no telefone da Delegacia do Idoso, no (92) 3214-5800.

Qualquer delegacia de polícia no estado pode registrar Boletim de Ocorrência por crimes contra idosos, mas a capital possui uma delegacia especializada no atendimento dessa população. A DECCI fica na rua 23, bairro Parque Dez, zona centro-sul de Manaus.

FOTO: Acervo SSP-AM