Amazonas Notícias

Marinha e Governo do Amazonas Unem forças contra a agravante seca dos rios

Em face da crescente estiagem que aflige o Amazonas, autoridades do estado e da Marinha do Brasil reuniram-se para discutir estratégias e colaborações, com o intuito de mitigar as adversidades desse fenômeno nos meses vindouros. Relatórios da Defesa Civil apontam para 24 municípios em situação crítica devido à seca.

No contexto desta cooperação, o vice-governador Tadeu de Souza visitou o 9º Distrito Naval em Manaus, onde o vice-almirante Thadeu Lobo apresentou recursos tecnológicos e projetos atuais que podem se alinhar às iniciativas planejadas pelo governo estadual.

“A capacidade da Marinha na análise e monitoramento das condições aquáticas é fundamental para nós, especialmente agora que trabalham na ampliação da sinalização náutica. Isso nos oferece insights preciosos para enfrentar os desafios da estiagem iminente”, destacou Souza.

As informações revelam que além de Benjamin Constant e Envira, que já decretaram estado de emergência, outros 22 municípios se encontram em alerta ou atenção. “O número de cidades em estado de emergência provavelmente aumentará, tornando essencial nossa preparação e colaboração para assegurar a segurança das comunidades afetadas”, comentou o vice-governador.

Este ano, a expectativa é de uma seca mais rigorosa, potencializada pelo El Niño, fenômeno que restringe a formação de nuvens chuvosas. Durante esse período, os habitantes das regiões ribeirinhas enfrentam desafios diários, inclusive a emergência de barreiras naturais nos rios que complicam a navegação.

Relacioandos