Amazonas Notícias

Mulher envolvida na morte de sargento Lucas é presa

Foto - arquivo pessoal
Kayandra Pereira de Castro | Amazonas Notícias
Kayandra Pereira de Castro (divulgação Polícia Civil do Amazonas)

 

Nesta quinta-feira (10), em Manaus, mais uma suspeita de envolvimento da morte do sargento do Exército Lucas Guimarães foi presa. Ela se chama e foi presa pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), em um posto de combustível na Zona Leste de Manaus.

 

Na última quarta-feira (0(9), o casal de empresários Joabson Agostinho Gomes e Jordana Azevedo Freire voltou a ser preso. Eles são donos da rede de supermercados Vitória e suspeitos de ordenar o assassinato do sargento do Exército Brasileiro, Lucas Guimarães. As investigações da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) apontam que o sargento tinha um caso com Jordana, casada com o empresário Joabson Agostinho que, ao descobrir a traição, mandou matar a vítima.

Além dos empresários, Kamylla Tavares da Silva e Romário Vinente Bentes também foram detidos. Kayanne Castro Pinheiro dos Santos segue foragida. Em novembro do ano passado, o homem suspeito de executar o crime foi preso, e segue na cadeia.

Kayanne Castro Pinheiro dos Santos segue foragida | Amazonas Notícias
Kayanne Castro Pinheiro dos Santos segue foragida

Sistema Prisional

Nesta quinta-feira, Joabson Agostinho Gomes, Kamylla Tavares da Silva e Romário Vinente Bentes deram entrada no Centro de Detenção Provisório de Manaus (CDPM1). Jordana está em prisão domiciliar.

Relacioandos