Ingrid Freire Salan e Marcos Fábio Pacheco Filho não esboçaram arrependimento

Comparsa tem longa ficha criminal e estava em liberdade

A equipe de investigação da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), situada em Iranduba, prendeu em flagrante, na noite do último domingo (27/01), por volta das 19h, o casal Ingrid Freire Salan, 21, e Marcos Fábio Pacheco Filho, 18, conhecido como “Kinho”, envolvido na tentativa de homicídio de uma jovem de 21 anos, ex-companheira de Ingrid. A ação foi comandada pela delegada Sylvia Laureana, titular da unidade policial, com o apoio de policiais militares.

O casal foi apresentado durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta quarta-feira (30), às 11h, no prédio da Delegacia Geral. O delegado Geraldo Eloi, chefe de Gabinete da Polícia Civil do Estado, a titular da 31ª DIP e o subcomandante da 8ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) de Iranduba, capitão Ademar Minori, estiveram presentes no local.

“Ingrid já havia tido um relacionamento amoroso com a vítima e o crime foi motivado por ciúmes de Marcos. No dia do delito, a vítima foi atraída por Ingrid para uma área próxima a um condomínio situado na rodovia Carlos Braga, em Iranduba. No local, a jovem foi surpreendida por ‘Kinho’ e mais dois comparsas, ainda não identificados. O indivíduo alvejou a vítima na perna e, depois, os três elementos agrediram a garota com pauladas”, explicou a delegada Sylvia Laureana.

De acordo com o subcomandante da 8ª CIPM, as prisões ocorreram na noite do último domingo (27/01), por volta das 19h,na rua Tenente José Carlos, bairro Graça Lopes, em Iranduba. “Durante diligências, conseguimos efetuar a prisão do casal na casa onde estava morando. No momento da abordagem, ‘Kinho’ estava comercializando drogas. Com ele apreendemos 10 gramas de cocaína. Em seguida, os dois foram conduzidos à delegacia, onde foram realizados os procedimentos cabíveis”, pontuou Minori.

Mandado de prisão preventiva – A titular da 31ª DIP destacou que, durante o flagrante, foi constatada a existência de mandado de prisão preventiva por tentativa de homicídio em nome de Marcos. O crime ocorreu no dia 25 de novembro de 2018 e teve como vítima um homem de 30 anos. A ordem judicial em nome de Marcos foi expedida em janeiro deste ano, pelo juiz Carlos Henrique Jardim da Silva, da 2ª Vara da Comarca de Iranduba.

Segundo Laureana, Marcos também é autor do homicídio de um adolescente de 16 anos. O delito aconteceu no dia 1º de janeiro deste ano. Além disso, ele está envolvido em mais de 10 processos criminais, de quando era adolescente, relacionados a atos infracionais análogos distintos, como homicídio, tráfico de drogas, roubo e furto.

Flagrante – Ingrid e Marcos foram autuados em flagrante por homicídio tentado. Marcos também irá responder por tráfico de drogas. Além disso, o jovem foi indiciado por tentativa de homicídio cometida em novembro de 2018 e pelo homicídio cometido no dia 1° de janeiro deste ano.

FOTOS: ERLON RODRIGUES/PC-AM

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here