Amazonas Notícias

Mutirão de cidadania atende 300 moradores de Parintins e entrega mais de 800 documentos em zona rural


A professora Cleonice Viana, de 39 anos, e o marido estiveram no Mutirão de Cidadania do Governo do Amazonas, recebendo os serviços oferecidos pela Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), no Centro Educacional de Tempo Integral (Ceti) Gláucio Gonçalves, em Parintins (a 369 quilômetros de Manaus). 


Grávida de oito meses do quarto filho, Cleonice adquiriu diabetes e precisa fazer monitoramento da glicose continuamente. Ela aproveitou a oferta do serviço para conferir como estava o índice glicêmico. 

“Eu vim acompanhada pelo meu esposo, porque eu vi que estava tendo essa ação hoje aqui. Aproveitei que tem esse daqui da saúde, para medir a glicose e conferir a pressão. E além disso nós usamos o serviço de RCN para o documento do meu filho”, contou a professora. 


O documento mencionado por Cleonice é a declaração de hipossuficiência, emitida pela Sejusc e que possibilita a emissão gratuita da segunda via do Registo de Certidão de Nascimento gratuitamente nos cartórios. 


O mutirão também ofereceu a emissão da Carteira de Identificação Nacional (CIN), em parceria com a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM) e da carteirinha do artesão, pela Secretaria Executiva do Trabalho e Empreendedorismo (Setemp). 

Mais de 300 pessoas foram atendidas com os serviços da Sejusc, além de 30 beneficiados pela Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), nos dois dias de atendimento. 


Entregas nas comunidades


As CINs solicitadas nos mutirões realizados no primeiro semestre deste ano começaram a ser entregues nas comunidades de Parintins. 


Ao todo, 815 unidades de CIN foram entregues nas comunidades Mocambo, Caburi, Vila Amazônia, Zé Açu e Tracajá. 

FOTOS: Ygson França/Sejusc

Relacioandos