FOTO: Divulgação / Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do Estado do Amazonas.

Investigadores 41ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) em Urucurituba deflagraram na tarde desta terça-feira (16/04), por volta das 16h, operação policial denominada “Chavascal”, que resultou nas prisões, em flagrante, de três pessoas de uma mesma família com mais de 2 quilos de drogas.

O delegado Mário Melo, titular da unidade policial, afirma que os trabalhos contaram com o reforço dos investigadores Paulo César e Marcelo Campelo. Na ocasião, foram presos em uma casa situada na travessa Sete do bairro da Liberdade, em Urucurituba, Alvina Barata dos Santos, 48; o companheiro dela, Talison Fonseca Laranjeira, 20, e a sobrinha de Alvina, Juliane dos Santos Gonçalves, 18.

“Essa operação teve por objetivo desarticular o comércio de drogas na 16ª edição da Festa do Cacau, que irá acontecer de 24 a 27 deste mês, em Urucurituba. Recebemos denúncias de que uma família estava comercializando drogas e nos deslocamos até o endereço indicado, onde constatamos a veracidade da informação recebida”, explicou Mário Melo.

Durante buscas no imóvel, os policiais civis encontraram mais de 2 quilos de drogas, sendo 1,2 mil gramas de oxi e 950 gramas de maconha. As drogas, segundo o trio, seriam comercializadas no evento na cidade. Mário Melo ressaltou que a operação recebeu o nome de “Chavascal” porque os infratores moravam e vendiam drogas em um chavascal no município de Urucurituba.

Flagrante – Alvina, Juliane e Talison foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis na delegacia, eles serão mantidos na carceragem da 41ª DIP, que funciona como unidade prisional no lugar.

FOTO: Divulgação / Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do Estado do Amazonas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here