Portal Colaborativo de Comunicação comemora 1º aniversário no próximo dia 28, com música, arte e dança a festa será às 17h, no anfiteatro do Parque dos Bilhares. A programação segue também com uma batalha de rima, shows musicais, poesia concreta e performances de dança, o evento é gratuito e haverá sorteio de brindes. A trilha sonora do evento, vai ficar por conta das bandas vencedoras do III Prêmio Xibé da Música Amazonense. A abertura será do “Voto de Confiança para 2015”, Rafael Marques, em seguida tem a vez da Revelação 2014 banda Selva Madre, depois tem a Superalma, banda do Melhor Baixista Thomaz Campos. Por volta das 19h30 quem assume o palco é a banda Numbness, do baterista premiado: Arthur Vitoriano, às 20h15 tem a Reconnect, responsável pelos prêmio de Melhor Vocalista, Melhor Guitarrista e Melhor Música com a canção ‘Fazer Acontecer’.

Quem encerra a programação é a banda Nekrost, eleita Melhor Banda. Já que é nosso aniversário, os colaboradores do Portal, prepararam o cardápio da festa. As receitas compartilhadas ao longo do ano na seção Pirão, ganharão formas e gostos como a lasanha de tucumã, brownnie de banana entre outras iguarias exclusivas que você só encontrará lá. De acordo com a jornalista Renata Paula, editora executiva do Portal Xibé, ao degustar algum quitute, o participante vai escrever uma resenha sobre o que achou do prato. “A iniciativa será para estimular a produção de criticas sobre o assunto e dar ênfase aos destaques da culinária local”. Poesia, arte e dança.

O evento terá apresentação de Poesia concreta produzida pelo fotógrafo do Xibé, Cássio Oliveira e uma exposição de fotografia dos alunos do curso de Design da Faculdade Martha Falcão intitulada “Selva de Riscos”, de Rakel Caminha, Marla Freire e Anthony Nobre. Ainda durante a programação, vai ter uma performance de dança da bailarina Lua Moreira. De acordo com Rakel Caminha, serão 12 imagens que pretendem lançar um olhar analítico acerca da cidade de Manaus em relação à poluição visual. “A exposição pretende contribuir com a conscientização acerca do tema, bem como eliminar as barreiras impostas pela sociedade relativizada à linguagem da pintura urbana”, acrescenta. Rima No intervalo de cada banda, uma batalha de rima, dividida em três etapas: livre, tema e final. As inscrições custam R$2, o vencedor leva a renda arrecadada mais um kit exclusivo do Xibé. “A batalha é uma nova ação que estamos promovendo para aproximar e incentivar os MCs e letristas que se identificam com essa arte, a gente sabe que temos grandes improvisadores e dominadores da língua”, explica Renata. Sobre o Portal Xibé Como no dicionário Amazonês, escrito pelo doutor em linguística Sérgio Freire, a palavra Chibé, significa a união de farinha de macaxeira, água e açúcar. Aquela mistura se transforma no combustível naquele que nem sempre tem o alimento diário.

Como forma de fortalecer a relação de um ambiente que tem sido nutrido de muita qualidade até gerar um novo conceito de leitura e escrita para a sociedade virtual. O Xis entra em questão com o Xibé que também circula pela teoria que narra a carreira dos jornalistas com os dias contados, e ainda, se fixa na encruzilhada da certeza de que a naturalidade de comunicação consegue mover qualquer barreira. Com editorias que falam de saúde, qualidade de vida, entretenimento, esportes, culinária, tecnologia e até erotismo. As editorias são: Tarrafa, Rolê, Arco da Flecha, Considerado, Transamazônica e Pirão. Somos um portal colaborativo, no ambiente de desabafo e recomendações. Provaremos os melhores sabores e as piores pimentas, mas a ardência estará na vontade de munir os leitores de conteúdo. É para se sentir a vontade para contribuir e impulsionar aquilo que ainda está preso a 140 caractéres.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here