De 28 a 30 de junho, o Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM) vai realizar ações de fiscalização em Parintins (AM), com o objetivo de assegurar que os visitantes do 54° Festival Folclórico, e também os moradores do município, não sejam prejudicados por comerciantes, na hora de adquirir produtos e serviços das áreas da metrologia legal, pré-medidos e avaliação da conformidade.

Na área da metrologia legal, o Instituto vai fiscalizar os postos de combustíveis (terrestres) e postos de combustíveis flutuantes (pontões), localizados na orla do município. Vão ser verificados os bicos e mangueiras de abastecimento, medidas de volume, bem como os equipamentos de segurança.

Nos comércios, os fiscais vão avaliar os instrumentos de balanças comerciais e metro, verificando se os equipamentos utilizados nas relações comerciais atendem à legislação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Também serão analisados os produtos pré-medidos (embalados sem a presença do consumidor), como os itens arroz, feijão, farinha, açúcar, leite, café, bolacha de água e sal, temperos variados, material de higiene e produtos de limpeza. Os técnicos do Ipem avaliam o peso dos produtos; as informações de tamanho e peso nas embalagens; e também se as informações indicadas na embalagem correspondem às reais especificações dos produtos.

Ainda na área comercial, as equipes do Ipem-AM farão a Avaliação da Conformidade de produtos como materiais elétricos de baixa tensão, brinquedos, capacetes, cadeiras plásticas, ventiladores, entre outros, para avaliar se estes produtos vendidos nos comércios parintinenses atendem às normas do Inmetro.

“As ações do Ipem-AM visam coibir fraudes nas relações comerciais. Os fiscais vão visitar os comércios do município, assegurando que o consumidor abasteça o seu veículo com a quantidade exata de combustível que está pagando; que, na hora da compra de um produto pesado ou embalado na ausência do consumidor, as informações indicadas em uma balança ou nas etiquetas sejam verdadeiras; e ainda, se os produtos à venda no comércio atendem às normas do Inmetro e não oferecem riscos à saúde e segurança de quem está comprando”, explica o diretor presidente do Ipem-AM, Márcio André Brito.

Unidade Fluvial do Ipem-AM vai oferecer orientações e atendimentos médicos

Durante as fiscalizações realizadas pelo Ipem Amazonas, no município de Parintins, os consumidores e comerciantes receberão orientações sobre os produtos certificados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), com dicas de como identificar possíveis irregularidades, e fazer denuncias ao órgão, por meio da Ouvidoria do Ipem-AM, no telefone 0800 092 2020, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h.

Os atendimentos médicos serão realizados pela Secretaria de Estado e Saúde do Amazonas (Susam) em parceria com Ipem-AM, por meio da Unidade Básica Fluvial de Fiscalização e Pesquisa (UBFFP-2). Serão oferecidos, de forma gratuita à população, os serviços de ultrassonografia, atendimento médico com clínico geral, e também terá um posto de vacinação durante a estadia no município.

FOTO: Divulgação/Secom e Ipem-AM