Pauini: operação “Terruã” prende 11 traficantes

A 63ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Pauini (a 923 quilômetros de Manaus), em ação conjunta com a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), encerrou no domingo (27/06), a operação “Terruã”, que teve início no dia 17 de junho. Durante a ação, foram efetuadas 11 prisões em flagrante e um cumprimento a mandado de prisão.

Também foram apreendidas duas armas de fogo calibre 36, de fabricação caseira, quatro munições de calibre 36 intactas, 70 trouxinhas de maconha, 125g de cocaína, 12 porções médias de pasta base e três aparelhos celulares.

De acordo com o escrivão André Chaparro, gestor interino da unidade policial, as investigações iniciaram quando as equipes descobriram que Antônio Raí da Silva, 20, estava cadastrando pessoas para a criação de uma célula de uma organização criminosa naquele município.

“Conseguimos efetuar a prisão de três mulheres, identificadas como Tatiana Almeida, 21; Enéias Ferreira, 22; e Tamara Gonzaga, 18; pelos crimes de associação criminosa e tráfico de drogas. Elas confirmaram os fatos. No dia 18 de junho, efetuamos a prisão de Antônio Raí, com drogas, na companhia de uma adolescente de 13 anos. Ele foi autuado por tráfico de drogas e estupro de vulnerável”, disse André.

Em continuidade aos trabalhos, no dia 20 de junho, foram realizadas as prisões em flagrante de Aquila da Silva Cardoso, 21, também por tráfico; e foi cumprido um mandado de prisão preventiva em nome de Renato Rodrigues de Lima, 21, pelo mesmo crime. A ordem judicial em nome dele foi expedida pelo juiz Emmanuel Ormod de Souza, da Comarca de Pauini. Ainda de acordo com a autoridade, as demais prisões foram por tráfico e participação na célula criminosa.

Procedimentos – Todos os indivíduos foram encaminhados ao prédio da 63ª DIP, e permanecerão custodiados, à disposição da Justiça.