O pedreiro José Luiz Melo Lopes, preso em flagrante pela morte de Caroline de Souza Costa na última quinta-feira (21), na Zona Norte de Manaus, teve a prisão preventiva decretada durante audiência de custódia realizada nesta sexta-feira (22). Ele é acusado de perseguido a mulher e desferido várias facadas na vítima.

A decisão é da juíza plantonista Áurea Lina Gomes Araújo. Ela homologou a prisão em flagrante de José Luiz Melo Lopes e a converteu em prisão preventiva, durante audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch Reis, bairro Aleixo, zona centro-sul da cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here