Take a fresh look at your lifestyle.

Plataforma Norte do novo T1 é entregue

-publicidade-

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, entregou nesta quinta-feira, 31/12, último dia de seu terceiro mandato à frente do Executivo municipal, a plataforma Norte do novo Terminal de integração José Fernandes (T1), na avenida Constantino Nery, que está sendo completamente reconstruído. “Foi uma corrida contra o tempo, mas era uma obra muito necessária”, destacou o prefeito, que também ainda encontrou tempo para declarar concluído o recapeamento de uma via na zona Sul.

“A parte norte está toda feita e entregue, tem as catracas e todos os últimos detalhes. Em vez de meramente expandir a avenida, como fui aconselhado, decidi apostar em um novo terminal e, infelizmente, o tempo não permitiu a conclusão de tudo”, comentou Arthur. “Estou deixando dinheiro em caixa, para que as obras que, porventura, não foram terminadas, estejam nas mãos do próximo prefeito e ele possa dar continuidade. Irei deixá-lo bastante tranquilo para seu começo de governo”, destacou.

O novo terminal é uma das diversas obras para melhorar a mobilidade urbana da cidade e dará mais fluidez ao trânsito e ao transporte coletivo. O T1 integra o pacote de obras de mobilidade urbana, que é composto pelas Estações de Transferências já entregues como E1 (São Jorge), E2 (Santos Dumont), E3 (Arena) e E4 (Parque das Nações).

“É uma obra que todo mundo em Manaus queria que saísse e nós precisamos conversar muito, indenizar ambulantes que trabalhavam no local. Precisamos arranjar colocação para eles em feiras e mercados, para que tivessem onde trabalhar e ficassem confortáveis, talvez até melhor do que estavam aqui”, comentou Arthur Neto.

O pacote também conta com as reformas dos Terminais de Integração 3 (Cidade Nova), 4 (Jorge Teixeira) e 5 (São José), além das Estações de Embarque e Desembarque de Passageiros (Plataformas) ao longo dos corredores das avenidas Constantino Nery, Torquato e Tapajós e Max Teixeira.

Homenageado

Homenageado com o nome do terminal, José Fernandes formou-se em economia pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam), e ascendeu na carreira política nos anos 70. Foi assessor financeiro e, posteriormente, diretor-geral do extinto Departamento Estadual de Estradas e Rodagem (DER), diretor da Comissão de Construção da Rodovia BR-319, no período de 1971 a 1973, e secretário dos Transportes, de 1975 a 1979. Licenciou-se do mandato de deputado federal na Legislatura 1979-1983, para assumir a Prefeitura de Manaus, de 1979 a 1982.

“Nomeei esse terminal em uma homenagem ao deputado falecido por Covid-19, José Fernandes, foi meu colega deputado federal, e ex-prefeito de Manaus, consultor na minha primeira prefeitura, e eu fico muito feliz por estar homenageando esse grande homem”, comentou o prefeito Arthur Neto.

Recapeamento

Ainda na área de infraestrutura, outra obra voltada à mobilidade urbana foi entregue pelo prefeito Arthur Virgílio Neto neste último dia de mandato, o recapeamento da rua Piracanjuba, no conjunto Duque de Caxias, no bairro Flores, na zona Centro-Sul. “Esse é o último asfalto que derramo em Manaus e nunca vou me esquecer, porque essa é uma das marcas do meu governo”, afirmou o prefeito.

Nos últimos dois anos, a Prefeitura de Manaus recapeou centenas de vias, em todas as zonas da cidade, por meio do Programa de Requalificação Viária e Urbana de Manaus, o Requalifica. “A gente deu o maior banho de asfalto que a cidade jamais viu em toda sua história”, finalizou Arthur Neto.

Texto – Maryane Maia e Mauricio Freire / Semcom

-publicidade-